Antonio Pitanga

Biografia

Antônio Luiz Sampaio, em arte mais conhecido como Antonio Sampaio e/ou Antonio Pitanga, é um ator brasileiro nascido em Salvador, capital da Bahia, no dia 13 de Junho de 1939. Estudou arte dramática na Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia (UFBA). É um dos grandes atores brasileiros, um dos mais importantes ícones da cultura nacional, que mantém sua carreira plena por mais de quarenta anos com competência e dignidade.

Com mais de cinqüenta filmes no currículo, Antonio Pitanga atuou sob a direção de nomes consagrados na história do cinema brasileiro como Cacá Diegues, Neville D’Almeida, Anselmo Duarte, Glauber Rocha, Walter Lima Junior, Hugo Carvana, Ruy Guerra, entre outros.

Cursa a quarta série no Ginásio Ipiranga, ainda sem saber que carreira seguir, quando cruza com Walter Webb nas ruas de Salvador e este gosta do seu tipo e o convida a fazer um teste para seu primeiro filme, Bahia de Todos os Santos (1960), de Trigueirinho Neto, o ator ainda se chamava Antônio Sampaio. É aprovado para o papel de Pitanga. Seu personagem no filme foi tão forte e expressivo, que o apelido acabou pegando no público em geral e acabou virando seu sobrenome, deixando de ser Antonio Sampaio para ser Antonio Pitanga, o qual, inclusive, também foi adotado até por seus filhos Rocco Pitanga e Camila Pitanga, também atores.

Com o impulso desse filme, decide-se pela carreira de ator e matricula-se na Escola de Teatro da Universidade da Bahia, fazendo algumas peças como Chapetuba Futebol Clube e Calígula. Participa ativamente do Ciclo de Cinema Baiano, atuando em quase todos os filmes. Em seguida, no Rio de Janeiro, integra o revolucionário movimento Cinema Novo.

Durante o movimento, Pitanga trabalhou em filmes de diretores ligados ao movimento como Cacá Diegues e Glauber Rocha, atuando em clássicos como A Grande Feira (1961), Barravento (1961), Ganga Zumba (1964), Câncer (filmado em 1968), dentre outros.

A convivência com os diretores do Cinema Novo despertou a vontade de dirigir filmes. Em 1978, Antonio Pitanga dirige seu único longa-metragem Na Boca do Mundo, escrito pelo colega Cacá Diegues e por Leopoldo Serran, que tem no elenco talentos como Milton Gonçalves, Maurício Gonçalves, Norma Bengell e até do próprio diretor.

Na fase da retomada da produção nacional, atuou em Como ser solteiro (1996) de Rosane Svartman, Mauá – O imperador e o rei (1999), de Sérgio Rezende, Villa-Lobos – uma vida de paixão (2000) de Zelito Viana. Mais recentemente, atuou ainda nos longa-metragens Apolônio Brasil – O campeão da alegria (2003), de Hugo Carvana e Garotas do ABC (2004), de Carlos Reichenbach. Em 2006, fez Zuzu Angel, de Sérgio Rezende, cine-biografia da estilista que teve o filho, Stuart Angel, morto pelo regime militar e, em 2007, fez O homem que desafiou o diabo (2007), de Moacyr Góes.

Tem destacada parti cipação na televisão também, sendo sua estreia em 1968 na novela Ana. Entre tantas outras, destacam-se O Homem que Deve Morrer (1971), O Astro (1977), Parti do Alto (1984), Kananga do Japão (1989), A Próxima Vítima (1995), O Clone (2001), Celebridade (2004), como Comandante, Casos e Acasos (2008), como médico, e Faça sua História (2008), como Passageiro.

Além de atuante pela causa negra nas telas de cinema, Antonio Pitanga também é membro do conselho do Centro Brasileiro de Informação e Documentação do Artista Negro (CIDAN), ONG idealizada pela atriz Zezé Motta que tem o objetivo de promover a inserção do artista negro no mercado.

Do seu primeiro casamento, com a atriz Vera Manhães, que terminou em 1986, teve dois filhos, a belíssima atriz Camila Pitanga (1977) e o ator Rocco Pitanga (1980). Com Benedita da Silva, ex-governadora do Rio de Janeiro, está casado desde 1992.

Filmografia

:: Filmografia como Ator ::

2018 :: Bandeira de Retalhos
2017 :: Correndo atrás (Em Finalização)
2014 :: O Velho Rei
2012 :: O Grande Kilapy
2011 :: Eu receberia as piores notícias dos seus lindos lábios
2010 :: Bom Dia, Eternidade
2009 :: Lula – O Filho do Brasil
2007 :: O homem que desafiou o diabo
2006 :: Mulheres do Brasil
2006 :: O Passageiro – Segredos de Adulto
2006 :: Zuzu Angel
2004 :: Garotas do ABC
2003 :: Apolônio Brasil – O Campeão da Alegria
2000 :: Villa-Lobos – Uma Vida de Paixão
1999 :: A Terceira Morte de Joaquim Bolivar
1998 :: Mauá: O Imperador e o Rei
1998 :: Como Ser Solteiro
1990 :: O Quinto Macaco (The Fifth Monkey) (Brasil/EUA)
1990 :: Barrela: Escola de Crimes
1988 :: Dedé Mamata
1988 :: Eternamente Pagú
1986 :: La Mansión de Araucaima (Colômbia)
1986 :: Chico Rei
1985 :: O Rei do Rio
1984 :: Quilombo
1982 :: Rio Babilônia
1981 :: O Homem do Pau-Brasil
1981 :: A Idade da Terra
1978 :: A Deusa Negra (Nigéria/Brasil)
1978 :: Crueldade Mortal
1978 :: Na Boca do Mundo
1977 :: Ladrões de Cinema
1977 :: Cordão de Ouro
1976 :: Um Homem Célebre
1976 :: Os Pastores da Noite (Otália da Bahia) (França/Brasil)
1973 :: Uma Nêga Chamada Teresa
1973 :: Em Compasso de Espera
1973 :: Mestiça, a Escrava Indomável
1973 :: Joanna Francesa (Brasil/França)
1972 :: Vozes do Medo
1972 :: Quando o carnaval chegar
1970 :: República da Traição
1970 :: Juliana do Amor Perdido
1969 :: A Mulher de Todos
1969 :: Corisco – O Diabo Loiro
1969 :: Golias contra o Homem das Bolinhas
1969 :: Tropici (Itália)
1968 :: Câncer
1968 :: Juliana do Amor Perdido
1968 :: Jardim de Guerra
1967 :: Cangaceiros de Lampião
1966 :: A Grande Cidade
1966 :: Samba (Espanha/Brasil)
1965 :: Menino de Engenho
1965 :: Mar Corrente
1965 :: Mitt hem är Copacabana (A Fábula) (Suécia)
1964 :: Os Fuzis …. voz
1964 :: Ganga Zumba
1964 :: Esse Mundo é Meu
1963 :: Lampião, Rei do Cangaço
1962 :: Senhor dos Navegantes
1962 :: Sol sobre a lama
1962 :: O Pagador de Promessas
1962 :: Tocaia no Asfalto
1962 :: Barravento
1961 :: A Grande Feira
1960 :: West Ist Der Weg (Estrada do Amor) (Alemanha)
1960 :: Bahia de Todos os Santos

:: Filmografia como Diretor ::

1978 :: Na Boca do Mundo

:: Filmografia como Ele Mesmo ::

201 :: Pitanga – O Filme
2012 :: Água de Meninos – A Feira do Cinema Novo
2007 :: Anabazys
2001 :: Eldorado – Lituanos no Brasil
1977 :: Di Cavalcante di Glauber
1975 :: Jouez Encore, Payez Encore
1967 :: Cinema Novo (Improvisierst und Zielbewusst) (CM) (Brasil/Alemanha)

Prêmios

:: Troféu Mapinguari – Fest Cineamazônia

Bibliografia

Fontes de Referência

Livros:

SILVA NETO, Antonio Leão da. Astros e estrelas do cinema brasileiro. 2. ed. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2010.

Internet:

HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Antonio Pitanga. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/antonio-pitanga/

Print Friendly, PDF & Email

Sobre História do Cinema Brasileiro

Site do História do Cinema Brasileiro.