Biblioteca Arquivo

  • <p style="text-align: justify;"><strong>Caetano Veloso</strong> dispensa apresentações, porém sua história e suas facetas ainda foram pouco exploradas. Existem livros que que abordam quase que exclusivamente a sua fase <em>Tropicalista</em>, porém, os longos trechos ainda desconhecidos de sua história não podem permanecer sem registro. Por isso, torna-se necessário contar sua trajetória de vida de modo amplo e irrestrito, com o respeito e a isenção que o artista merece. Este livro é resultado de uma pesquisa de vinte anos dos autores, e conta a história completa do carismático músico brasileiro, passando por todas as suas fases com igual peso, permitindo ao grande público entender e conhecer um pouco mais sobre <strong>Caetano Veloso</strong>.</p>

    LIVRO – Caetano: uma Biografia

    Caetano Veloso dispensa apresentações, porém sua história e suas facetas ainda foram pouco exploradas. Existem livros que que abordam quase que exclusivamente a sua fase Tropicalista, porém, os longos trechos ainda desconhecidos de sua história não podem permanecer sem registro. Por isso, torna-se necessário contar sua trajetória de vida de modo amplo e irrestrito, com o respeito e a isenção que o artista merece. Este livro é resultado de uma pesquisa de vinte anos dos autores, e conta a história completa do carismático músico brasileiro, passando por todas as suas fases com igual peso, permitindo ao grande público entender e conhecer um pouco mais sobre Caetano Veloso.

    Continue Lendo...

  • Your ads will be inserted here byEasy Plugin for AdSense.Please go to the plugin admin page toPaste your ad code OR Suppress this ad slot. Sinopse Dados Técnicos Sinopse . […]

    LIVRO – Coisas de Cinema: ‘flash back’ de um exibidor de província

    Your ads will be inserted here byEasy Plugin for AdSense.Please go to the plugin admin page toPaste your ad code OR Suppress this ad slot. Sinopse Dados Técnicos Sinopse . […]

    Continue Lendo...

  • Sinopse Dados Técnicos Sinopse . Dados Técnicos >> Dados Técnicos Título: Telas e Palcos Autor: Múcio Leal Wanderley Editora: Gráfica JB Ano da Edição: 1999 Encadernação: Brochura | cm x […]

    LIVRO – Telas e Palcos

    Sinopse Dados Técnicos Sinopse . Dados Técnicos >> Dados Técnicos Título: Telas e Palcos Autor: Múcio Leal Wanderley Editora: Gráfica JB Ano da Edição: 1999 Encadernação: Brochura | cm x […]

    Continue Lendo...

  • <p style="text-align: justify;">O jovem Jacques é o professor de um pequeno povoado. Seu pai, um jovem forasteiro francês, que abandonou o filho e a esposa. Um dia, ao visitar a cidade vizinha para ir à primeira vez a um bordel, Jacques tem uma grande surpresa, e a explicação de tudo pode estar muito perto dele. Uma história comovente e cheia de magia.</p>

    LIVRO – Um Pai de Cinema

    O jovem Jacques é o professor de um pequeno povoado. Seu pai, um jovem forasteiro francês, que abandonou o filho e a esposa. Um dia, ao visitar a cidade vizinha para ir à primeira vez a um bordel, Jacques tem uma grande surpresa, e a explicação de tudo pode estar muito perto dele. Uma história comovente e cheia de magia.

    Continue Lendo...

  • <p style="text-align: justify;">Quando chegou ao Rio de Janeiro em 1989, a jovem bailarina baiana <strong>Ingra Lyberato</strong> pretendia apenas passar uma temporada. Porém, acabou participando de uma oficina de atores da Rede Globo, e o que era para ser uma estadia de férias prolongou-se indefinidamente. A bela e irrequieta morena participou da telenovela <em>Tieta</em> e em seguida foi selecionada para <em>Pantanal</em>, que se tornaria um fenômeno televisivo e inauguraria uma nova forma de se ­fazer telenovela no Brasil. Com <strong>Jayme Monjardim</strong>, com quem se casara, participou da criação de <em>A história de Ana Raio e Zé Trovão</em>, que explorava o mundo dos rodeios e deixava em evidência as diversas regiões com suas riquezas culturais. Tratava-se de um momento de inflexão na tevê brasileira, que passava a ver além do <em>núcleo pobre</em> e <em>núcleo rico</em> e se aproximava de realidades até então ignoradas pela teledramaturgia. Ingra era a atriz certa para representar o papel de mulheres guerreiras, de beleza rústica, ligadas à terra. Participou ainda do ressurgimento do cinema brasileiro a partir de meados dos anos 1990. Casou novamente e teve o filho Guilherme, sua grande fonte de inspiração. Nessa trajetória, em meio a testes de elenco, preparação para gravações, estudos de roteiro e ensaios, muitas vezes <strong>Ingra Lyberato</strong> foi assombrada pelo medo do sucesso. Fazendo parte de uma geração de mulheres que busca o equilíbrio entre a vida profissional e familiar, Ingra viveu o epicentro da fama, com toda a ansiedade e tentações que isso traz, e fez escolhas entre uma carreira alucinante e sua vida pessoal. Hoje, ainda dona de uma beleza agreste, a atriz olha para trás e é capaz de identificar os erros que cometeu – na profissão e nas relações pessoais.</p>

    LIVRO – O medo do sucesso: a vida nos palcos, no cinema e na televisão

    Quando chegou ao Rio de Janeiro em 1989, a jovem bailarina baiana Ingra Lyberato pretendia apenas passar uma temporada. Porém, acabou participando de uma oficina de atores da Rede Globo, e o que era para ser uma estadia de férias prolongou-se indefinidamente. A bela e irrequieta morena participou da telenovela Tieta e em seguida foi selecionada para Pantanal, que se tornaria um fenômeno televisivo e inauguraria uma nova forma de se ­fazer telenovela no Brasil. Com Jayme Monjardim, com quem se casara, participou da criação de A história de Ana Raio e Zé Trovão, que explorava o mundo dos rodeios e deixava em evidência as diversas regiões com suas riquezas culturais. Tratava-se de um momento de inflexão na tevê brasileira, que passava a ver além do núcleo pobre e núcleo rico e se aproximava de realidades até então ignoradas pela teledramaturgia. Ingra era a atriz certa para representar o papel de mulheres guerreiras, de beleza rústica, ligadas à terra. Participou ainda do ressurgimento do cinema brasileiro a partir de meados dos anos 1990. Casou novamente e teve o filho Guilherme, sua grande fonte de inspiração. Nessa trajetória, em meio a testes de elenco, preparação para gravações, estudos de roteiro e ensaios, muitas vezes Ingra Lyberato foi assombrada pelo medo do sucesso. Fazendo parte de uma geração de mulheres que busca o equilíbrio entre a vida profissional e familiar, Ingra viveu o epicentro da fama, com toda a ansiedade e tentações que isso traz, e fez escolhas entre uma carreira alucinante e sua vida pessoal. Hoje, ainda dona de uma beleza agreste, a atriz olha para trás e é capaz de identificar os erros que cometeu – na profissão e nas relações pessoais.

    Continue Lendo...

  • <p style="text-align: justify;">A trajetória do cineasta <strong>Ruy Guerra</strong> está marcada nos filmes do <strong><em>Cinema Novo</em></strong> – é o que a historiadora <strong>Vavy Pacheco Borges</strong> pretende mostrar em seu próximo livro, que será publicado em 2017 pela editora <strong>Boitempo</strong>. A biografia <strong>Ruy Guerra: <em>paixão escancarada</em></strong>, escrito pela professora aposentada da <strong>UNICAMP</strong> esmiúça o moçambicano, que adotou nosso Brasil como sua pátria, nos três continentes em que viveu – África, Europa e América – e nos variados relacionamentos familiares, amorosos e sobretudo no campo da criação artística, pontuando desde a adolescência, os rumos e marcos da vida de <strong>Ruy Guerra</strong>.</p>

    LIVRO – Ruy Guerra: Paixão Escancarada

    A trajetória do cineasta Ruy Guerra está marcada nos filmes do Cinema Novo – é o que a historiadora Vavy Pacheco Borges pretende mostrar em seu próximo livro, que será publicado em 2017 pela editora Boitempo. A biografia Ruy Guerra: paixão escancarada, escrito pela professora aposentada da UNICAMP esmiúça o moçambicano, que adotou nosso Brasil como sua pátria, nos três continentes em que viveu – África, Europa e América – e nos variados relacionamentos familiares, amorosos e sobretudo no campo da criação artística, pontuando desde a adolescência, os rumos e marcos da vida de Ruy Guerra.

    Continue Lendo...

  • <p style="text-align: justify;">Com este livro, a <strong>Abraccine (Associação Brasileira de Críticos de Cinema)</strong> homenageia <strong>Jean-Claude Bernardet</strong> em seus 80 anos, reunindo artigos de profissionais de diferentes áreas do cinema. A produção do professor, pensador, crítico, roteirista, diretor e ator é analisada por 16 autores, entre cineastas, pesquisadores e críticos. A obra do multifacetado, polemista e provocador de ideias originais sobre o cinema brasileiro é descortinada em textos que revelam o percurso de <strong>Bernardet</strong>, demonstrando assim o impacto e a influência de seu pensamento.</p>

    LIVRO – Bernardet 80: impacto e influência no cinema brasileiro

    Com este livro, a Abraccine (Associação Brasileira de Críticos de Cinema) homenageia Jean-Claude Bernardet em seus 80 anos, reunindo artigos de profissionais de diferentes áreas do cinema. A produção do professor, pensador, crítico, roteirista, diretor e ator é analisada por 16 autores, entre cineastas, pesquisadores e críticos. A obra do multifacetado, polemista e provocador de ideias originais sobre o cinema brasileiro é descortinada em textos que revelam o percurso de Bernardet, demonstrando assim o impacto e a influência de seu pensamento.

    Continue Lendo...

  • <p style="text-align: justify;">Livro-Reportagem definitivo sobre a tragédia que abateu a cidade gaúcha de Santa Maria em 2013 relembra e homenageia os 242 mortos no incêndio da <em>Boate Kiss</em>. <strong>Daniela Arbex</strong> reafirma seu lugar como uma das jornalistas mais relevantes do país, veterana em reportagens de fôlego — premiada por duas vezes com o <em>Prêmio Jabuti</em> — ao reconstituir de maneira sensível e inédita os eventos da madrugada de 27 de janeiro de 2013, quando a cidade de Santa Maria perdeu de uma só vez 242 vidas.</p>

    LIVRO – Todo dia a mesma noite: a história não contada da Boate Kiss

    Livro-Reportagem definitivo sobre a tragédia que abateu a cidade gaúcha de Santa Maria em 2013 relembra e homenageia os 242 mortos no incêndio da Boate Kiss. Daniela Arbex reafirma seu lugar como uma das jornalistas mais relevantes do país, veterana em reportagens de fôlego — premiada por duas vezes com o Prêmio Jabuti — ao reconstituir de maneira sensível e inédita os eventos da madrugada de 27 de janeiro de 2013, quando a cidade de Santa Maria perdeu de uma só vez 242 vidas.

    Continue Lendo...

  • <p style="text-align: justify;">Quem é esse homem batizado <strong>Antonio Renato Aragão</strong>? Quem é esse artista que há cinco décadas, no cinema e na TV, faz gerações e gerações de brasileiros sorrirem? E o que faz <strong>Renato Aragão</strong>, aos 82 anos, acreditar que <em>ainda há muito a fazer</em>?</p>

    LIVRO – Renato Aragão: do Ceará para o coração do Brasil

    Quem é esse homem batizado Antonio Renato Aragão? Quem é esse artista que há cinco décadas, no cinema e na TV, faz gerações e gerações de brasileiros sorrirem? E o que faz Renato Aragão, aos 82 anos, acreditar que ainda há muito a fazer?

    Continue Lendo...

  • <p style="text-align: justify;">Nesta obra, <strong>Thalita Rebouças</strong> procura apresentar os dois lados da moeda de ser mãe. Ao longo do livro são descritas as queixas e alegrias da mãe coruja, e um tantinho estressada, Ângela Cristina, em relação à filha primogênita Maria de Lourdes, a Malu, assim como as teimosias e o sentimento de opressão desta em função dos cuidados, muitas vezes excessivos, de sua genitora. Para retratar os dois pontos de vista, a autora lança mão do seguinte expediente - a primeira parte do livro, da gestação de Maria de Lourdes até seus treze anos, é narrada pela mãe, que, então, passa a palavra à filha. Nesse momento entra em cena a segunda narradora, a própria Maria de Lourdes, contando, de acordo com sua ótica, a relação de amor e ódio com a figura materna. Sua narração se estende até o fim da história, quando ela está com 21 anos.</p>

    LIVRO – Fala sério, mãe!

    Nesta obra, Thalita Rebouças procura apresentar os dois lados da moeda de ser mãe. Ao longo do livro são descritas as queixas e alegrias da mãe coruja, e um tantinho estressada, Ângela Cristina, em relação à filha primogênita Maria de Lourdes, a Malu, assim como as teimosias e o sentimento de opressão desta em função dos cuidados, muitas vezes excessivos, de sua genitora. Para retratar os dois pontos de vista, a autora lança mão do seguinte expediente - a primeira parte do livro, da gestação de Maria de Lourdes até seus treze anos, é narrada pela mãe, que, então, passa a palavra à filha. Nesse momento entra em cena a segunda narradora, a própria Maria de Lourdes, contando, de acordo com sua ótica, a relação de amor e ódio com a figura materna. Sua narração se estende até o fim da história, quando ela está com 21 anos.

    Continue Lendo...

  • Sinopse Dados Técnicos Sinopse . Dados Técnicos >> Dados Técnicos Título: Autor: Editora: Ano da Edição: Encadernação: Brochura | cm x cm | páginas ISBN: . << Sinopse

    LIVRO – Uma Fada Veio me Visitar

    Sinopse Dados Técnicos Sinopse . Dados Técnicos >> Dados Técnicos Título: Autor: Editora: Ano da Edição: Encadernação: Brochura | cm x cm | páginas ISBN: . << Sinopse

    Continue Lendo...

  • <p style="text-align: justify;">Livro ganhador do <em>Prêmio de Ficção</em> do <em>Friends of American Writers</em> e adaptado para o cinema, <strong>Entre irmãs</strong> é uma história de amor e lealdade, um romance arrebatador sobre a saga de uma família e de um país em transição. Trata-se de um impressionante romance seduz pela contundente constituição dos personagens e pelos detalhes vívidos. Um livro ideal para os fãs de <strong>Isabel Allende</strong>.</p>

    LIVRO – Entre Irmãs

    Livro ganhador do Prêmio de Ficção do Friends of American Writers e adaptado para o cinema, Entre irmãs é uma história de amor e lealdade, um romance arrebatador sobre a saga de uma família e de um país em transição. Trata-se de um impressionante romance seduz pela contundente constituição dos personagens e pelos detalhes vívidos. Um livro ideal para os fãs de Isabel Allende.

    Continue Lendo...

Página 1 de 14112345...102030...Última »