Cláudio Mamberti (1940-2001)

Compartilhe em suas Redes Sociais!
  • Twitter
  • Facebook
  • email
  • Google Reader
  • LinkedIn
  • BlinkList
  • Google Bookmarks
  • MSN Reporter
  • Myspace
  • Posterous
  • Tumblr
  • More
Print Friendly, PDF & Email

Biografia

FOTO Claudio MambertiCláudio Mamberti foi um ator brasileiro de cinema, teatro e televisão.

Foi diretor do Sindicato dos Artistas e Técnicos de São Paulo, junto com Lélia Abramo, Renato Consorte, Dulce Muniz e Robson Camargo. Ao longo de 40 anos de carreira, comemorados em 2000 com a peça O Homem do Caminho, de Plínio Marcos, Cláudio Mamberti trabalhou em teatro e televisão, mas foi sobretudo no cinema que deixou registrado seu grande talento.

Ele estreou profissionalmente em Santos, na década de 50, depois de um breve contato com Patrícia Galvão, a Pagu, que dirigia um grupo de teatro. Sua estréia profissional foi em São Paulo, na peça Antígone América, de Carlos Henrique Escobar, dirigida por Antonio Abujamra, onde contracenou pela primeira vez com o irmão, Sérgio Mamberti.

Algumas de suas atuações mais elogiadas estão em Barrela, o filme de Marco Antonio Cury, baseado na peça de Plínio Marcos, e em Kuarup, de Ruy Guerra, adaptado do romance de Antonio Callado. Mamberti trabalhou também em Cidade Oculta, de Chico Botelho, em O Quatrilho, de Fábio Barreto e em O Baile Perfumado, de Lírio Ferreira e Paulo Caldas, entre outras produções.

No teatro, Claudio participou de grandes encenações nos anos 60, como O Balcão, de Jean Genet, e Cemitério de Automóveis, ambas dirigidas por Victor Garcia. Nos anos 70, esteve nos elencos de Gota d’Água, de Chico Buarque e Paulo Pontes, e Ópera do Malandro, de Chico Buarque, dirigida por Luiz Antonio Martinez Correa. Atuou sob a direção de outros nomes consagrados nos anos 80, como Moacyr Góes (Romeu e Julieta) e Ulisses Cruz (Encontrar-se, de Pirandello).

Na televisão, Mamberti participou das produções A Viagem, O Tempo e O Vento e O Primo Basílio, da Globo; e das novelas Helena e Tocaia Grande, da rede Manchete, entre outros trabalhos.

Bibliografia

Livros:

Internet:

Compartilhe em suas Redes Sociais!
  • Twitter
  • Facebook
  • email
  • Google Reader
  • LinkedIn
  • BlinkList
  • Google Bookmarks
  • MSN Reporter
  • Myspace
  • Posterous
  • Tumblr
  • More

Sobre História do Cinema Brasileiro

Site do História do Cinema Brasileiro.