Hugo Carvana (1937-2014)

Compartilhe em suas Redes Sociais!
  • Twitter
  • Facebook
  • email
  • Google Reader
  • LinkedIn
  • BlinkList
  • Google Bookmarks
  • MSN Reporter
  • Myspace
  • Posterous
  • Tumblr
  • More
Print Friendly, PDF & Email

Biografia

Hugo Carvana foi um ator, roteirista, produtor e diretor de cinema e televisão brasileiro nascido no dia 04 de junho de 1937. Marcado pelo jeito malandro e carioca, da infância passada em Lins de Vasconcellos, era filho da Costureira Alice Carvana de Castro e do comandante da Marinha Clóvis Heloy de Hollanda. Faleceu em 04 de outubro de 2014

Em vários filmes interpretou a imagem do malandro carioca, tendo estreado na direção com Vai trabalhar, vagabundo no ano de 1973, filme no qual também atuou.

De 1973 a 2009, produziu e dirigiu sete filmes, sendo que nos três últimos optou apenas pela direção. Em 1973, no auge da ditadura, atuou e dirigiu a primeira comédia, Vai trabalhar, vagabundo. Ironicamente, seu personagem Secundino Meireles sai da prisão, vê o sol e grita, Bom dia, professor! Se Segura Malandro!, em 1978, homenageia as pessoas simples do povo e o seu amado Rio de Janeiro.

Em 1982, veio o Bar Esperança, o último que fecha, dedicado aos amigos das mesas dos botequins, aos intelectuais da esquerda festiva. E em 1991, ressuscitou, literalmente, o personagem Secundino Meireles em Vai Trabalhar Vagabundo II – A Volta, que se levanta do caixão em busca de um antigo amor.

O ator também foi um militante político. Depois do golpe dos militares, que assumiram o poder em 1964, Carvana começou a freqüentar as reuniões do grupo de teatro Opinião, de resistência à ditadura, encontrando uma turma politizada e descobrindo que a arte tinha uma função social. O amadurecimento o dessa participação política foi na década de 1980, quando atuou intensamente na campanha Diretas Já.

Como presidente da Fundação de Artes do Rio de Janeiro, Funarj, durante o governo de Leonel Brizola, realizou projetos revolucionários, como festas populares e religiosas, promovendo animação cultural na Baixada Fluminense e interior do Estado.

Seus filmes mais recentes, todos de comédia, foram Não se preocupe, nada vai dar certo, com Gregório Duvivier, Tarcísio Meira e Mariana Rios; Casa da Mãe Joana (2008) e Casa da Mãe Joana 2 (2013), com Juliana Paes, Malu Mader e José Wilker, também morto no ano de 2014. Era também torcedor ilustre do Fluminense.

Filmografia

:: Filmografia como Ator ::

2014 :: Rio, Eu te Amo (Episódio: Dona Fulana)
2013 :: Casa da Mãe Joana 2
2013 :: Vendo ou Alugo
2013 :: Giovanni Improtta
2011 :: Peréio, Eu te odeio
2010 :: 5x Favela, Agora Por Nós Mesmos
2009 :: Histórias de amor duram apenas 90 minutos
2008 :: Deus vai nos ajudar
2008 :: Casa da Mãe Joana
2006 :: Achados e perdidos
2006 :: O Maior Amor do Mundo
2005 :: Mais uma vez Amor
2002 :: Lara
2002 :: Deus é Brasileiro
2001 :: Sonhos tropicais
2001 :: A Breve História de Cândido Sampaio
2000 :: O Cabeça de Copacabana
1998 :: Mauá – O Imperador e o Rei
1997 :: À Meia Noite com Glauber Rocha
1997 :: Happy Hours
1996 :: O Homem Nu
1991 :: Vai Trabalhar Vagabundo II – A Volta
1991 :: Assim na tela como no céu
1990 :: Até a última gota …. Narração
1990 :: Boca de ouro
1988 :: Por Dúvida das Vias
1987 :: Leila Diniz
1985 :: Avaeté – Semente da vingança
1984 :: Bete Balanço
1984 :: Águia na cabeça
1982 :: Bar Esperança, o último que fecha
1978 :: Se Segura Malandro!
1978 :: Anchieta, José do Brasil
1978 :: Alô Teteia
1978 :: A queda
1977 :: Tenda dos Milagres
1977 :: Mar de Rosas
1977 :: Anchieta, José do Brasil
1977 :: Gordos e Magros
1975 :: Veredas de Minas
1975 :: A nudez de Alessandra
1974 :: Chorinhos e Chorões
1974 :: Ipanema, Adeus
1973 :: Vai trabalhar, vagabundo
1972 :: Toda nudez será castigada
1972 :: Tati, a garota
1972 :: Amor, carnaval e sonhos
1972 :: Quando o carnaval chegar
1972 :: Câncer
1971 :: O rei dos milagres
1971 :: Procura-se uma virgem
1971 :: Capitão Bandeira contra o Doutor Moura Brasil
1970 :: Pindorama
1970 :: Jardim de guerra
1970 :: O leão de sete cabeças
1970 :: Os herdeiros
1969 :: Pedro Diabo ama Rosa Meia-Noite
1969 :: A criação literária de João Guimarães Rosa …. Narração
1969 :: O Anjo nesceu
1969 :: Macunaíma
1969 :: Um Sonho de Vampiros
1969 :: Tempo de Violência
1969 :: O Bravo Guerreiro
1968 :: O dragão da maldade contra o santo guerreiro
1968 :: Como vai, vai bem?
1968 :: A vida provisória
1968 :: O Homem que Comprou o Mundo
1968 :: Antes, o verão
1968 :: Um homem e sua jaula
1967 :: O engano
1967 :: Terra em Transe
1965 :: O desafio
1965 :: A falecida
1964 :: Crime de amor
1964 :: Os Fuzis
1962 :: Os Cafajestes
1962 :: Esse Rio que eu amo
1957 :: Tudo é música
1956 :: Contrabando
1955 :: Trabalhou bem… Genival

:: Filmografia como Diretor ::

2013 :: Casa da Mãe Joana 2
2011 :: Não se preocupe, nada vai dar certo
2008 :: Casa da Mãe Joana
2003 :: Apolônio Brasil, Campeão da Alegria
1996 :: O Homem Nu
1993 :: Vai Trabalhar Vagabundo II – A Volta
1982 :: Bar Esperança
1978 :: Se Segura Malandro!
1973 :: Vai trabalhar, vagabundo

:: Filmografia como Ele Mesmo ::

2017 :: Eu, Meu Pai e os Cariocas – 70 Anos de Música no Brasil

Bibliografia

Fontes de Referência

Livros:

ZAPPA, Regina. Hugo Carvana. Rio de Janeiro: Relume Dumara/Prefeitura de Rio/Secretaria de Cultura, 2005.

Internet:

ABRACI-RJ. http://www.abracirj.org.br/ – ABRACI-RJ – Associação Brasileira de Cineasta do Rio de Janeiro – Brasil

FILMEB. http://www.filmeb.com.br/ – Filme B – Brasil

WIKIPEDIA. http://pt.wikipedia.org/wiki/Hugo_Carvana

Compartilhe em suas Redes Sociais!
  • Twitter
  • Facebook
  • email
  • Google Reader
  • LinkedIn
  • BlinkList
  • Google Bookmarks
  • MSN Reporter
  • Myspace
  • Posterous
  • Tumblr
  • More

Sobre História do Cinema Brasileiro

Site do História do Cinema Brasileiro.