Meus Amores no Rio (1958)

Sinopse

Como prêmio por vencer um quiz show de TV em Buenos Aires, uma jovem e bela argentina ganha uma passagem para o Rio de Janeiro, onde permanece durante uma semana. Durante este tempo, ela conhece três pretendentes: um malandro jornalista, um playboy da época e um piloto de aviação. Seu coração tem que escolher um deles.

Ela passeia com todos por diversos pontos turísticos e, ao retornar à Argentina, decide aceitar o pedido de casamento do terceiro namorado.

Elenco

Antonio Ventura
Blanca Tapia
Vicente Rubino
Carlos Infante
Marga de los Llanos
Orlando Guy

Jardel Filho …. Roberto
Domingo Alzugaray …. Ramiro
Fábio Cardoso …. Mário
Agildo Ribeiro …. Fotógrafo de Revista
Diana Morel
Dina Lisboa

Carlos Hugo Christensen
Humberto Catalano …. Guia turístico
Afonso Stuart
Susana Freyre …. Elena
Ataulfo Alves
Teddy Moreno
Armando Camargo

Ficha Técnica

Por trás dos filmes, além dos atores, dos figurinos, das câmeras, da arte, do som e de outros elementos mais facilmente perceptíveis na construção qualquer longa metragem, há também um verdadeiro exército de profissionais dedicados a viabilizar cada detalhe do intrincado quebra-cabeça artístico, operacional, logístico e financeiro da produção audiovisual.

Veja logo abaixo a equipe técnica de Meus Amores no Rio (1958) que o portal História do Cinema Brasileiro pesquisou e agora disponibiliza aqui para você:

Direção: Carlos Hugo Christensen
Argumento: Pedro Bloch
Roteiro: Carlos Hugo Christensen
Diálogos: Pedro Bloch
Assistência de direção: Guy, Orlando; Oliosi, José
Coreografia: Nogueira, Helba
Produção: Carlos Hugo Christensen
Direção de produção: Gallart, Carlos
Produção executiva: Lima, Augusto Cavalheiro; Small, Carlos Manzano
Direção de Fotografia: Paz, Aníbal Gonzalez
Câmera: Mazialetti, Pedro
Assistência de câmera: Lujan, Froilan
Montagem: Melli, Nello
Cenografia: Evangelista, Darcy
Cabelereiro: Oliveira, Manuel
Maquiagem: Combi, Cesar
Música: Araújo, Severino
Companhia Produtora: Cinematográfica EMECE Produtora e Distribuidora Ltda.
Co-produção: Lautaro Films
Companhias Distribuidoras: Pelmex Películas Mexicanas do Brasil S.A. | Embrafilme – Empresa Brasileira de Filmes S.A.
Financimento/Patrocínio: Banco do Estado de São Paulo S.A.

Canção
Título: Boneca de piche;
Intérprete: Barroso, Ari;

Título: Vida da minha vida;
Intérprete: Alves, Ataulfo;

Título: Valsa de uma cidade;
Intérprete: Ismael Neto;

Título: Brasileirinho;
Intérprete: Azevedo, Waldir;

Título: Copacabana;
Intérprete: Ribeiro, Alberto;

Título: Caminhemos;
Intérprete: Martins, Herivelto;

Título: Relembrando o norte;
Intérprete: Araujo, Severino;

Título: Cidade maravilhosa;
Intérprete: Barroso, Ari;

Título: Relembrando o norte;
Intérprete: André Filho;

Título: Nostalgias;
Intérprete: Corbian e Cadicamo;

Título: Caruaru;
Intérprete: Barrela, Belmiro;

Título: Pois é;
Intérprete: Alves, Ataulfo;

Título: Sábado em Copacabana
Intérprete: Caymmi, Dorival;

Intérprete: Alves, Ataulfo e suas Pastoras;

Intérprete: Moreno, Ted;

Intérprete: Maria, Antonio;

Intérprete: Barreiro, João

Prêmios

Prêmio Associação Brasileira de Cronistas Cinematográficos, 1958, RJ, de Melhor Filme..
Prêmio Saci, 1958 de Melhor Atriz para Suzana Freire.
Prêmio Governador do Estado de São Paulo, 1958 de Melhor Produtor para Carlos Hugo Christensen.
Prêmio de Melhor Atriz para Suzana Freire no 6º Festival do Distrito Federal, 1958, RJ.

Bibliografia

Fontes utilizadas:

CB/Ficha Complementar
CB/Ficha Catalográfica
Press-release, A Intrusa
ALSN/DFB-LM
CB/EMB-110.2-00605

Fontes consultadas:

CENS/II

Livros:

Internet:

HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Meus Amores no Rio. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/meus-amores-no-rio/

Observações:

CENS/II informa que o filme possui 3.187m
A fonte cinenacional indica 115 minutos de projeção e roteiro de Pedro Bloch. Exibido em Buenos Aires, Argentina, em 26.03.1959.
Festival do Distrito Federal: Festival de Cinema do Distrito Federal.

Sobre História do Cinema Brasileiro

Site do História do Cinema Brasileiro.