O Cabeleira (1963)

Compartilhe em suas Redes Sociais!
  • Twitter
  • Facebook
  • email
  • Google Reader
  • LinkedIn
  • BlinkList
  • Google Bookmarks
  • MSN Reporter
  • Myspace
  • Posterous
  • Tumblr
  • More

Sinopse

O chefe de um grupo de cangaceiros tenta fazer do filho um bandido tão temido como ele próprio, contrariando a boa índole do garoto. Este cresce e o conflito entre suas convicções (reavivadas pelo reencontro com uma antiga namorada) e o mundo violento de seu pai leva a uma sucessão de batalhas em que o bem e o mal se equivalem.

Elenco

Souto, Hélio (José Gomes, o cabeleira)
Milton Ribeiro …. Joaquim Gomes
Marlene França …. Edite
Souza, Ruth de (Jovina)
Egidio, Francisco (Timóteo)
Escarlate, Alfredo
Mendes, Nelson
Lobo, Diva Vaz
Martins, Leonina
Moreira, José Paulo
Cerra, Satur
Padoim, Diva
Portioli, Cláudio
Silva, José Olympio
Batista, Enoque
Moreira, Ubiratan A.
Motta, Amilcar
Zamuner, Pio
Reis, Miro
Muniz, Ezas
Martins, Nelcy
Martins, Antonio
Neves, Jose Ribeiro
Ferreira, Madalena
Doo, John
Caster, Yuri
Brito, Manoel Correa
Paz, Scherley
Gomes, Conceição
Kara, Salomão
Ribeiro, Otacilio
Guimarães, Antonio F.
Gomes, Leonilda Maria
Baião, Mané (Curió)
Galã, José (Sereno)

Identidades/elenco:
Zarantonella, Francisco

Ficha Técnica

Por trás dos filmes, além dos atores, dos figurinos, das câmeras, da arte, do som e de outros elementos mais facilmente perceptíveis na construção qualquer longa metragem, há também um verdadeiro exército de profissionais dedicados a viabilizar cada detalhe do intrincado quebra-cabeça artístico, operacional, logístico e financeiro da produção audiovisual.

Veja logo abaixo a equipe técnica de O Cabeleira que o portal História do Cinema Brasileiro pesquisou e agora disponibiliza aqui para você:

Direção: Milton Amaral
Argumento: Milton Amaral e Ody Fraga
Roteiro: Milton Amaral e Ody Fraga
Adaptação: Milton Amaral e Ody Fraga
Estória: Baseada no romance homônimo de Franklin Tavora
Produção: Mendes, Nelson Teixeira; Barbosa, Waldemar
Co-produção: Moreira, José M.
Direção de produção: Escarlate, Alfredo
Coordenação de produção: Mendes, Celso T.
Assistência de direção: Martini, Martino
Continuidade: Doo, John
Direção de fotografia: Lombardi, Guglielmo
Câmera: Lombardi, Guglielmo
Assistência de câmera: Primavera, Marcelo
Fotografia de cena: Costa, Laerte T.
Foco: Galante, Antonio P.
Chefe eletricista: Muratori, Vitalino
Maquinista: Owintchenko, Eugenio
Direção de som: Foscolo, Carlos; Bonnas, Waldir
Montagem: Barro, Máximo
Guarda-roupa: Gomes, Leonilda Maria
Cenografia: Serra, Saturnino
Desenhos de letreiros de apresentação: Costa, Milton
Maquiagem: Marquez, Gilberto
Guarda-roupeira: Gomes, Leonilda M.
Música: Peruzzi, Edmundo
Companhia Produtora: Produtora e Distribuidora de Filmes Ltda. – Prodifilmes
Companhia Distribuidora: PAM Filmes

Canção
Título: Cabeleira;
Autor da canção: Tedesco, Lino

Título: Curió;
Autor da música da canção: Baido, Mané e Martins, J.;

Título: Lamento;
Autor da música da canção: Pernambuco, Zé;

Título: Trevas
Autor da música da canção: França, Milton
Intérprete: Egidio, Francisco

Locação: Mococa – SP; Arceburgo – MG; Pirassununga – SP; São José do Rio Pardo – SP

Prêmios

Prêmio Cidade de São Paulo, 1963, SP, concedido pelo Juri Municipal de Cinema de Melhor Atriz Secundária para França, Marlene, Melhor Roteiro para Amaral, Milton e Fraga, Ody e Melhor Fotografia para Lombardi, Guglielmo..
Prêmio Governador do Estado de São Paulo, 1963, SP, de Melhor Edição para Barro, Maximo.

Bibliografia

Livros:

TAVORA, Franklin. O Cabeleira. : , .

Fontes utilizadas:
CB/Transcrição de letreiros-Cat
CENS/I
LRB/CP
ALSN/DFB-LM

Fontes consultadas:
ACPJ/I

Observações:
ACPJ/I indica na ficha técnica técnico de som: ; no elenco acrescenta: ; e . Chama Alfredo Escarlate de .
CENS/I informa que o nome da Prodifilmes aparece como Produtora e Distribuidora de Filmes Ltda. – Prodifilmes e também Prodifilmes Ltda..
Os letreiros não incluem e no elenco devido aos diversos trechos ilegíveis existentes no material examinado. O nome do cenógrafo Saturnino Serra aparece em LRB/CP como .

Print Friendly, PDF & Email
Compartilhe em suas Redes Sociais!
  • Twitter
  • Facebook
  • email
  • Google Reader
  • LinkedIn
  • BlinkList
  • Google Bookmarks
  • MSN Reporter
  • Myspace
  • Posterous
  • Tumblr
  • More

Sobre História do Cinema Brasileiro

Site do História do Cinema Brasileiro.