Tem folga na direção (1976)

Compartilhe em suas Redes Sociais!
  • Twitter
  • Facebook
  • email
  • Google Reader
  • LinkedIn
  • BlinkList
  • Google Bookmarks
  • MSN Reporter
  • Myspace
  • Posterous
  • Tumblr
  • More

Sinopse

Waldemar (Zé Trindade) é casado com Margarida (Estelita Bell) e pai de Marina (Alcione Mazzeo). Tentando diminuir as dificuldades financeiras de sua família, Marina começa a namorar com Cláudio (Cyl Farney), o dono da oficina em que seu pai trabalha. Mário (Mário Petráglia), o 1º amor de Marina, faz de tudo para atrapalhar este namoro, acarretando numa série de problemas para Waldemar.

Elenco

Zé Trindade (Waldemar)
Neuza Amaral
Estelita Bell (Margarida)
Gloria Cristal
Monah Delacy
Alcione Mazzeo (Marina)
Pepa Ruiz
Hortência Tayer (Baby)
Humberto Catalano (Pepino)
Jaime Barcellos
Rodolfo Arena
Cyl Farney (Cláudio)
Fernando José (Evaristo)
Newton Martins
Carlos Novic
Mário Petráglia (Mário)
Ênio Santos

Ficha Técnica

Por trás dos filmes, além dos atores, dos figurinos, das câmeras, da arte, do som e de outros elementos mais facilmente perceptíveis na construção qualquer longa metragem, há também um verdadeiro exército de profissionais dedicados a viabilizar cada detalhe do intrincado quebra-cabeça artístico, operacional, logístico e financeiro da produção audiovisual.

Veja logo abaixo a equipe técnica de Tem folga na direção que o portal História do Cinema Brasileiro pesquisou e agora disponibiliza aqui para você:

Direção: Victor Lima

Roteiro: Edson Batista, Euracy dos Santos, Roberto Silveira, Victor Lima e Zé Trindade

Print Friendly, PDF & Email
Compartilhe em suas Redes Sociais!
  • Twitter
  • Facebook
  • email
  • Google Reader
  • LinkedIn
  • BlinkList
  • Google Bookmarks
  • MSN Reporter
  • Myspace
  • Posterous
  • Tumblr
  • More

Sobre História do Cinema Brasileiro

Site do História do Cinema Brasileiro.