Torturadas pelo Sexo (1977)

Sinopse

Bolivar, um aventureiro e assassino profissional, recebe a incumbência de dar cabo de uma certa mulher que serve de contato para os comerciantes de escravas brancas. Pelo nome e fotografia da mulher, descobre que se trata de uma pessoa que anos antes lhe prestara um grande favor e assim, ao invés de executar o trabalho, transfere a mulher para outro local, apresentando-se depois ao chefe dos traficantes, Master, para receber a segunda parcela do dinheiro. Master, porém, já sabia que Bolivar não havia cumprido sua tarefa e arma-lhe uma emboscada, da qual Bolivar sai ferido. Enquanto isso, Cláudia, uma jovem que tem ligação com um policial que investiga o caso, descobre o esconderijo da quadrilha e fazendo-se passar por comerciante de mulheres, penetra no covil dos bandidos, sendo salva por Bolivar, que, perseguido pela polícia e pelos outros bandidos, acaba entre os dois fogos.

Elenco

Tony Vieira
Claudette Joubert
Gaiotti, Heitor
Soares, Francisco Assis
Militello, Dirce
Camargo, Cinira
Rajá de Aragão
Nogueira, Ronnie
Morrisson, Paul
Galvão, Solange
Cunha, Clery
Diniz, Zélia
Lynn, Sue
Guerra, Castor

Ficha Técnica

Por trás dos filmes, além dos atores, dos figurinos, das câmeras, da arte, do som e de outros elementos mais facilmente perceptíveis na construção qualquer longa metragem, há também um verdadeiro exército de profissionais dedicados a viabilizar cada detalhe do intrincado quebra-cabeça artístico, operacional, logístico e financeiro da produção audiovisual.

Veja logo abaixo a equipe técnica de Torturadas pelo Sexo (1977) que o portal História do Cinema Brasileiro pesquisou e agora disponibiliza aqui para você:

Direção: Tony Vieira
Argumento: Mauri de Oliveira Queiroz e Ido Oraides
Produção: Mauri de Oliveira Queiroz
Direção de Fotografia: Pio Zamuner
Montagem: Walter Wanny
Música: Rolan, Homero e Maestro Salinas
Companhias Produtoras: M.Q. Filmes | Cobra Filmes
Companhia Distribuidora: M.Q. Filmes

Bibliografia

Fontes utilizadas:
ACPJ/II
O Estado de S. Paulo, 13.02.1977, p. 22
ALSN/DFB-LM

Fontes consultadas:
MA/CFCCM

Livros:

Internet:

HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Torturadas pelo Sexo. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/torturadas-pelo-sexo/

Observações:
MA/CFCCM informa que o filme figura em 6§ lugar na lista “As 10 maiores rendas dos filmes nacionais no 1§ semestre de 1977”, com renda de Cr$2.582.772,20 e 265.146 expectadores.
Mauri de Oliveira Queiroz é pseudônimo de Tony Vieira.

Sobre História do Cinema Brasileiro

Site do História do Cinema Brasileiro.