fbpx

40ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo

A 40ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo aconteceu no período de 20 de outubro a 02 de novembro de 2016. A programação do evento reúniu 59 títulos nacionais, entre longas contemporâneos, curtas-metragens, retrospectivas e homenagens.

A seção Mostra Brasil apresenta 33 filmes produzidos neste ano e ainda inéditos em São Paulo. Entre eles, estão longas-metragens premiados, como Cinema Novo – O Filme (2016), de Eryk Rocha; Deserto (2016), de Guilherme Weber; Elon Não Acredita na Morte (2016), de Ricardo Alves Jr., e Martírio (2016), de Vincent Carreli.

Inéditos no Brasil, nove longas nacionais estão na Competição Novos Diretores e concorrem ao Troféu Bandeira Paulista de Melhor Filme, dado pelo Júri Oficial.

Dentro das Apresentações Especiais, a 40ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo exibirá os primeiros curtas-metragens de Aloysio Raulino; dois filmes em memória a José Carlos Avellar, Improvável Encontro, de Lauro Escorel, e O Clique Único de Assis Horta, de Jorge Bodanzky; além de Vinicius De Moraes, um Rapaz de Família (1983), de Susana Moraes. Já os longas Pitanga – O Filme, Barravento (1962) e A Grande Cidade (1966) fazem parte da homenagem a Antonio Pitanga.

Completam a programação de filmes brasileiros O Pagador de Promessas (1962) e O Batedor de Carteiras, que serão exibidos no Vão-Livre do Masp, e Lúcio Flávio – O Passageiro da Agonia, vencedor do Prêmio do Público da primeira Mostra, em 1977.

Homenagem ANTONIO PITANGA

Pitanga – O Filme, de Beto Brant e Camila Pitanga
Barravento, de Glauber Rocha
A Grande Cidade, de Cacá Diegues

Apresentação Especial – ALOYSIO RAULINO

ARRASTA A BANDEIRA COLORIDA 8939, de Aloysio Raulino, Luna Alkalay
LACRIMOSA, de Aloysio Raulino, Luna Alkalay
JARDIM NOVA, de Aloysio Raulino
TEREMOS INFÂNCIA, de Aloysio Raulino
TARUMÃ, de Aloysio Raulino, Guilherme Lisboa, Mario Kuperman, Romeu Quinto
O TIGRE E A GAZELA, de Aloysio Raulino
O PORTO DE SANTOS, de Aloysio Raulino

Apresentação Especial – VÃO-LIVRE DO MASP | 100 PAULO EMÍLIO

O BATEDOR DE CARTEIRAS, de Aluizio T. de Carvalho
O Pagador de Promessas, de Anselmo Duarte

Apresentações Especiais

Improvável Encontro, de Lauro Escorel
GÓRGONA, de Pedro Jezler, Fábio Furtado
Lúcio Flávio – O Passageiro da Agonia, de Hector Babenco
O Clique Único de Assis Horta, de Jorge Bodanzky
Vinicius De Moraes, um Rapaz de Família (1983), de Susana Moraes

Competição Novos Diretores

AXÉ: CANTO DO POVO DE UM LUGAR, de Chico Kertész
CAPOEIRA, UM PASSO A DOIS, de Jorge Itapuã
FICA MAIS ESCURO ANTES DO AMANHECER, de Thiago Luciano
MUITO ROMÂNTICO, de Melissa Dullius, Gustavo Jahn
O SILÊNCIO DA NOITE É QUE TEM SIDO TESTEMUNHA DAS MINHAS AMARGURAS, de Petrônio de Lorena
OLHANDO PRAS ESTRELAS, de Alexandre Peralta
SOMOS TODOS ESTRANGEIROS, de Germano Pereira
TREM DA ALEGRIA – ARTE, FUTEBOL E OFÍCIO, de Francis Vale
UM CASAMENTO, de Mônica Simões

Mostra Brasil

A CIDADE DO FUTURO, de Cláudio Marques, Marília Hughes
A GLÓRIA E A GRAÇA, de Flávio Ramos Tambellini
A LUTA DO SÉCULO, de Sérgio Machado
A REPARTIÇÃO DO TEMPO, de Santiago Dellape
ANTES O TEMPO NÃO ACABAVA, de Sérgio Andrade, Fábio Baldo
BANCO IMOBILIÁRIO, de Miguel Antunes Ramos
BEDUINO, de Júlio Bressane
Canastra Suja, de Caio Sóh
CANÇÃO DA VOLTA, de Gustavo Rosa de Moura
Cinema Novo – O Filme, de Eryk Rocha
CURUMIM, de Marcos Prado
DEIXA NA RÉGUA, de Emílio Domingos
Deserto, de Guilherme Weber
DIVINAS DIVAS, de Leandra Leal
Elon Não Acredita na Morte (2016), de Ricardo Alves Jr.
ENTÃO MORRI, de Bia Lessa, Dany Roland
Era o Hotel Cambridge (2016), de Eliane Caffé
EXODUS – DE ONDE EU VIM NÃO EXISTE MAIS, de Hank Levine
GUERRA DO PARAGUAY, de Luiz Rosemberg Filho
LA VINGANÇA, de Fernando Fraiha
Leste Oeste, de Rodrigo Grota
MARESIA, de Marcos Guttmann
Martírio, de Vincent Carrelli
MULHER DO PAI, de Cristiane Oliveira
NO VAZIO DA NOITE, de Cristiano Burlan
O HOMEM BRUXA, de André Abujamra e Caio Carvalho
O JABUTI E A ANTA, de Eliza Capai
O ÚLTIMO TRAGO, de Luiz Pretti, Pedro Diogenes, Ricardo Pretti
OLHAR INSTIGADO, de Chico Gomes, Felipe Lion
REDEMOINHO, de José Luiz Villamarim
SEXO PREGAÇÕES E POLÍTICA, de Aude Chevalier-Beaumel, Michael Gimenez
VERMELHO RUSSO, de Charly Braun / Brasil, Rússia
VINTE ANOS, de Alice de Andrade

Livros:

Internet:

HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. 40ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/40-mostra-internacional-de-cinema-de-sp/
MOSTRA INTERNACIONAL DE CINEMA DE SÃO PAULO. Disponível no endereço: http://www.mostra.org/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.