fbpx

A Bolsa ou a Vida (2021)

No futuro pós-pandemia da covid-19, a centralidade será o cassino financeiro e a acumulação de riqueza por uma elite ou uma vida de qualidade para todos, com menos desigualdade? O Estado mínimo se mostrou capaz de atender ao coletivo? Como garantir a vida sem direitos sociais e trabalhistas? Em qual modelo de sociedade queremos viver? O filme aborda o desmonte do conceito de bem-estar social e nos faz refletir sobre a incompatibilidade do neoliberalismo com um projeto humanista de sociedade.

Estamos na bifurcação. Em 2020, a pandemia da COVID-19 escancarou as mazelas de um modelo político-econômico que, desde a sua gênese, se anunciava incapaz de atender à coletividade. Afetadas por sucessivas crises financeiras globais e amparadas por poucos direitos sociais, milhões de pessoas em todo o planeta enfrentam o vírus em sistemas falidos que salvam bancos no lugar de garantir condições mínimas de bem-estar para a população.

A Bolsa ou a Vida é um filme-manifesto que incorpora diferentes olhares em um quebra-cabeças sobre o Estado, a financeirização, a desigualdade, a vida nas cidades, nas florestas e no campo e as portas de saída para o pandemônio em que vivemos.

Aílton Krenak
Almir Narayamoga Suruí
Antonio Corrêa de Lacerda
Antonio Donato Nobre
Aristides Santos
Boaventura de Sousa Santos

Celso Amorim
Consolacion Udry
Dom Mauro Morelli
Eduarda Alberto
Eduardo Moreira
Eleonora Mascia
Flávia Vinhaes
Gérard Moss
Givânia Maria da Silva
Jamie Delano
Jeffrey Sachs
Joel Birman

Ken Loach
Ladislau Dowbor
Lurdinha Lopes
Márcia Mura
Maria José Fariñas Dulce
Nabil Bonduki
Olímpio Alves dos Santos
Oscar Rivas
Padre Júlio Lancellotti
Patryck Carvalho
Paulo Galo Lima
Rita Von Hunty
Sérgio Magalhães
Samara Trindade
Soca Fagundes
Sol Bueno
Thiago Ávila
Victor Burgos
Yanis Varoufakis

Por trás dos filmes, além dos atores, dos figurinos, das câmeras, da arte, do som e de outros elementos mais facilmente perceptíveis na construção qualquer longa metragem, há também um verdadeiro exército de profissionais dedicados a viabilizar cada detalhe do intrincado quebra-cabeça artístico, operacional, logístico e financeiro da produção audiovisual.

Veja logo abaixo a equipe técnica de A Bolsa ou a Vida (2021) que o portal História do Cinema Brasileiro pesquisou e agora disponibiliza aqui para você:

Direção: Silvio Tendler
ROTEIRO: Silvio Tendler
PRODUÇÃO: Maycon Almeida
FOTOGRAFIA: Tao Burity e Taynara Mello
EDIÇÃO: Vladimir Santafé
Empresa Produtora: Caliban

Brasil | Documentário | cor | 102 min. | 2021

Classificação indicativa: 10 anos

Livros:

Internet:

HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. A Bolsa ou a Vida. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/a-bolsa-e-a-vida/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.