fbpx

A Mulher e o Rio (2017)

Sinopse

Beirando o rio há uma casa. Nessa casa, uma mulher. Seus olhos trazem tristezas que desconhecemos. Em sua solidão, o rio se torna seu principal companheiro, seu confidente e por fim seu amante.

Elenco

Lian Tai
Nina Balbi

Ficha Técnica

Por trás dos filmes, além dos atores, dos figurinos, das câmeras, da arte, do som e de outros elementos mais facilmente perceptíveis na construção qualquer longa metragem, há também um verdadeiro exército de profissionais dedicados a viabilizar cada detalhe do intrincado quebra-cabeça artístico, operacional, logístico e financeiro da produção audiovisual.

Veja logo abaixo a equipe técnica de A Mulher e o Rio (2017) que o portal História do Cinema Brasileiro pesquisou e agora disponibiliza aqui para você:

Direção: Bernard Lessa
Roteiro: Bernard Lessa
Trilha sonora: Bernard Lessa
Montagem: Bernard Lessa
Produção executiva: Eduardo Cantarino
Direção de produção: Eduardo Cantarino e Vitor Graize
Direção de fotografia e operação de câmera: Denis Augusto
Assistente de câmera: Miguel Moura
Operação de som: Caíque Mello
Mixagem: Alexandre Jardim
Assistente de direção e de montagem: Renata Catharino
Produção de arte: Jéssika Claudino
Produção de set: Maria Grijó
Cor e finalização: Willian Rubim
Edição de som e foley: Thiago Sobral
Design gráfico: Monomotor
Empresa produtora: Rede Produções | Dilúvio Produções | Pique Bandeira Filmes
Distribuição: Moro Filmes

Brasil | Ficção | Cor | 86 min. | 2019 | ES

Classificação Indicativa: 16 anos

Bibliografia

Livros:

Internet:

FESTIVAL DE BRASÍLIA DO CINEMA BRASILEIRO. A Mulher e o Rio. Disponível no endereço: http://www.festivaldebrasilia.com.br/mostra/MOSTRA%20PARALELA%20-%20TERRIT%C3%93RIO%20BRASIL/8
HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. A Mulher e o Rio. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/a-mulher-e-o-rio/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.