fbpx

Affonso Beato, asc, abc

Affonso Henrique Ferreira Beato, em arte conhecido como Affonso Beato, é um diretor de fotografia, produtor, consultor e professor de cinematografia brasileiro nascido no Rio de Janeiro (RJ) no dia 13 de julho de 1941. É um dos mais respeitados diretores de fotografia do mundo, sendo um dos fotógrafos brasileiros mais conhecidos fora de nosso país.

Autodidata, desde muito jovem demonstrava grande interesse pelo cinema. Enquanto estudava na Escola Nacional de Belas Artes, frequentava a Cinemateca do MAM-Rio, onde conheceu Cacá Diegues e David Neves. Aprendeu ali as primeiras lições de fotografia com o fotógrafo argentino Ricardo Aronovich.

Em 1965, fotografou seu primeiro filme, o curta O Circo, de Arnaldo Jabor. Seu primeiro longa foi Cara a Cara (1967), de Julio Bressane, com o qual ganha o prêmio de Melhor Fotografia no Festival de Brasília.

Iniciou notoriedade em sua carreira cinematográfica na década de 1960, ganhando grande reconhecimento internacional, após realizar a fotografia em cores do filme O Dragão da maldade contra o Santo Guerreiro, de Glauber Rocha.

Decide, então, ir morar nos Estados Unidos, onde constituiu brilhante carreira, hoje contando com mais de 50 longas, 60 curtas e 300 comerciais.

A partir da década de 1970, iniciou uma carreira internacional, já tendo feito a fotografia de filmes produzidos em diferentes países, como Espanha, Alemanha, França, Inglaterra, Irlanda, Portugal e EUA. Assim, estabeleceu diversas parcerias criativas com diretores renomados como Pedro Almodóvar, Sthepen Frear, Terry Zwigoff, Bobby Roth, Jonathan Lynn, Mike Newell, Carlos Ávila, Matthew Parkhill, Ricahard Pearce, Shari Springer Berman, Robert Pulcini; além dos brasileiros Bruno Barreto e Walter Salles, em suas incursões no mercado norte-americano.

Nos Estados Unidos, estabeleceu importante parceira com o cineasta Jim McBride, com quem realizou diversos filmes, entre eles Hot Times (1974), The Big Easy (Acerto de Contas) (1986), Great Balls of Fire (A Fera do Rock) (1990), Blood Ties (1991), The Wrong Man (Risco de Vida) (1993), Uncovered (1994), Dead by Midnight (Relógio Humano) (1997), Pronto (1997) e The Informant (O Informante) (1997).

Com o cineasta espanhol Pedro Almodóvar, fotografou três longas La flor de mi secreto, Live Flesh (Carne Trêmula) e Todo sobre mi madre (Tudo sobre minha mãe) – vencedor do Oscar de Melhor Filme Estrangeiro.

Em 2005, Affonso Beatto assinou a fotografia do primeiro filme hollywoodiano do diretor brasileiro Walter Salles, estrelado por Jennifer Connelly, o suspense Dark Water (Água Negra) remake – produzido em língua inglesa – baseado no já clássico filme japonês, dirigido por Hideo Nakata, lançado em 2002.

Nos anos 1980, aceitou ainda a missão de estruturar o Centro Técnico Audiovisual (CTAV) da Embrafilme, depois transformado em Fundação do Cinema Brasileiro.

Defensor da promoção, aprimoramento e valorização da cinematografia como profissão, Affonso Beato foi fundador da Associação Brasileira de Cinematografia (ABC), da qual foi Presidente entre 2004 e 2005.

Há mais de 30 anos, se divide entre o Brasil e os EUA, onde foi aceito como membro da American Society of Cinematographers, sendo o primeiro brasileiro a assinar as iniciais ASC. É membro também da AMPAS (Academy of Motion Picture Arts and Sciences), entidade que realiza e promove todos os anos do famoso Prêmio Oscar.

Nos últimos 10 anos, vem lecionando Cinematografia no Art Center College of Design, em Pasadena, na Califórnia, onde é Professor Adjunto, reconhecido por Honoris Causa.

Considerado pela revista Variety, em 2018, como um dos 10 Melhores Instrutores de Cinema dos EUA, Affonso Beato leciona em cursos de cinematografia no Brasil, através dos Cursos ABC, promovidos pela Associação Brasileira de Cinematografia (ABC).

.

:: Filmografia como Diretor de Fotografia ::

2013 :: O Tempo e o Vento
2011 :: Cinema Verite (TV) (EUA)
2008 :: Nights in Rodhante (Noites de Tormenta), de George C. Wolfe – Warner Bros. (EUA/Austrália)
2008 :: Maysa (TV) – Jayme Monjardim – Globo Network
2007 :: Love in the Time of Cholera (O Amor nos Tempos do Cólera) (EUA)
2005 :: The Queen (A Rainha) (Inglaterra/França/Itália)
2005 :: Dark Water (Água Negra) (EUA)
2004 :: Plainsong (Histórias Divididas) (EUA)
2003 :: The Fighting Temptations (Resistindo às Tentações) (EUA)
2003 :: Dot the I (Jogo de Sedução) (Inglaterra/Espanha/EUA)
2003 :: View from the Top (Voando Alto) (EUA) – Bruno Barreto – Miramax
2001 :: Ghost World (Aprendendo a Viver) (EUA/Inglaterra/Alemanha)
2001 :: Adriana Calcanhoto – Público
2001 :: Deus é Brasileiro
2000 :: Price of Glory (EUA)
1999 :: Traição (Episódio: O Primeiro Pecado)
1999 :: Orfeu
1998 :: Todo sobre mi madre (Tudo sobre minha mãe) (Espanha/França)
1997 :: Dead by Midnight (Relógio Humano) (EUA)
1997 :: Live Flesh (Carne Trêmula) (Espanha/França)
1997 :: Pronto (EUA)
1997 :: The Informant (O Informante) (Irlanda/EUA)
1996 :: Cinco Dias, Cinco Noites (Portugal)
1996 :: Mil e Uma – Susana Moraes (Brasil/Espanha/França/Portugal)
1995 :: Five Days, Five Nights – Fonseca e Costa – Gemini/Lisbon Best Cinematography – Gramado’s Film Festival
1995 :: La flor de mi secreto (A Flor do Meu Segredo) (Espanha/França)
1994 :: Uncovered (Inglaterra/Espanha/França)
1993 :: The Wrong Man (Risco de Vida) (EUA)
1991 :: Blood Ties (EUA)
1991 :: Marisa Monte: Mais
1990 :: Great Balls of Fire (A Fera do Rock) (EUA)
1989 :: Over Her Dead Body – Maurice Phillips – Vestron
1989 :: Enid Is Sleeping (Por Cima do seu Cadáver) (EUA)
1986 :: The Big Easy (Acerto de Contas) (EUA)
1985 :: Tropclip, de Luiz Fernando Goulart
1985 :: Além da Paixão – Bruno Barreto – LC Barreto / Ladd Co.
1984 :: Para viver um grande amor
1983 :: Routes of Exile: a Moroccan Jewish Odyssey (EUA)
1982 :: Conexão Brasileira (Brazilian Connection: a Struggle for Democracy) (Brasil/EUA) (cofot. Ron Zinnerman e Tom Sigel)
1981 :: The Other and I (Brasil/EUA)
1981 :: Circle of Power (Lavagem Cerebral) (EUA)
1981 :: Documenteur (EUA/França)
1981 :: The Two Worlds of Angelita (Los dos Mundos de Angelita) (Porto Rico) – Jane Morrison
1981 :: Oye Willie – PBS series
1981 :: Circle of Power (Lavagem Cerebral) (EUA)
1979 :: Simplesmente Jenny (Brasil/EUA) (cofot. Christine Burrill)
1979 :: Terra dos Índios, de Zelito Vianna – Mapa Filmes
1978 :: The Boss’ Son (EUA)
1977 :: Destino Manifesto (Cuba/Porto Rico)
1976 :: The Double Day (Dupla Jornada) (Brasil/EUA) (cofot. Christine Burrill)
1975 :: O Terceiro Grau
1974 :: Hot Times (EUA)
1974 :: The Girl with the Incredible Feeling (EUA)
1972 :: De Raízes e Rezas, entre outros (cofot. Thomaz Farkas e Jorge Bodanzky)
1972 :: A Bandeira do Brasil (CM) (cofot. Renato Neumann e David E. Neves)
1972 :: Herança do Nordeste (Episódios: Casa de Farinha e Erva Bruxa)
1972 :: The Promised Land – Miguel Littin – Chile Filmes
1971 :: O Homem das Estrelas (Le Maitre du Temps) (França/Brasil)
1971 :: Jornal do Sertão (cofot. Thomaz Farkas e Leonardo Bartucci)
1971 :: La Tierra Prometida (Cuba/Chile)
1971 :: O Capitão Bandeira contra o Dr. Moura Brasil
1971 :: Supergirl – Das Mädchen Von Den Sternen, de Rudolf Tome – RTL Munich (Alemanha)
1970 :: A Cantoria (A Memória de Cavalcante Proença) (CM)
1970 :: Frei Damião: Trombeta dos Aflitos, Martelo dos Hereges (CM) (cofot. Thomaz Farkas e Lauro Escorel Filho)
1970 :: O Engenho (CM)
1970 :: A Vaquejada (CM)
1970 :: Região: Cariri (CM)
1970 :: A Morte do Boi (CM)
1970 :: A Mão do Homem (CM) (cofot. Thomaz Farkas)
1970 :: Viva Cariri (CM) (cofot. Lauro Escorel Filho)
1970 :: O Homem de Couro (CM)
1970 :: Os Imaginários (CM) (cofot. Lauro Escorel Filho e Leonardo Bartucci)
1970 :: Jaramantaia (cofot. Thomaz Farkas)
1970 :: Padre Cícero (CM) (cofot. Thomaz Farkas)
1970 :: Casa de Farinha (CM) (cofot. Lauro Escorel Filho)
1970 :: Pindorama
1969 :: Macunaíma (cofot. Guido Cosulich)
1969 :: Máscara da Traição (cofot. Pompilho Tostes)
1969 :: Le Maittre du Temps – Jean Daniel Pollet – LC Barreto – MK2
1969 :: Máscara da Traição – Roberto Pires – Mapa Filmes
1969 :: O Bravo Guerreiro
1968 :: 1968 (CM)
1968 :: Copacabana me Engana
1968 :: Viagem ao Fim do Mundo (cofot. José Medeiros, Osvaldo de Oliveira e Clinton Vilela)
1968 :: Brasil Verdade (Episódio: Memória do Cangaço)
1968 :: O Dragão da maldade contra o Santo Guerreiro (Brasil/França/Alemanha)
1968 :: Viagem ao fim do mundo
1967 :: Cara a Cara
1967 :: O Povo do Velho Pedro (CM)
1967 :: Brasília, Contradições de uma Cidade Nova (CM)
1967 :: Copacabana me engana
1966 :: Lima Barreto – Trajetória (CM)
1966 :: O Auto da Vitória (CM)
1965 :: Heitor dos Prazeres (CM)
1964 :: Memória do Cangaço (CM)
1964 :: O circo (CM)
1960 :: Domingo

:: Filmografia como Diretor ::

1972 :: A Bandeira do Brasil (CM)
1968 :: 1968 (CM) (codir. Glauber Rocha)

:: Filmografia como Produtor Executivo ::

2019 :: Pureza

Prêmios (Resumo) 1967 :: Prêmio de Melhor Fotografia pelo filme Cara a cara, de Júlio Bressane, no Festival de Cinema de Brasília.

Fontes de Referência:

Internet:

FILME B. Disponível em: http://www.filmeb.com.br/quemequem/html/QEQ_profissional.php?get_cd_profissional=PE46. Acesso em: 12 de set. 2011.

WIKIPÉDIA, A ENCICLOPÉDIA LIVRE. Disponível em: http://pt.wikipedia.org/wiki/Affonso_Beato. Acesso em: 09 de dez. 2010.

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Artigos Relacionados