fbpx

Aníbal Massaíni Neto

Biografia

Aníbal Massaíni Neto começou no cinema em 1961, trabalhando ao lado do pai, Oswaldo Massaini, na Cinedistri, produtora que distribuiu, entre outros, O pagador de promessas (1962), de Anselmo Duarte, vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes, e Lampião, rei do cangaço (1962), de Carlos Coimbra.

Aos 20 anos, foi gerente de produção de O santo milagroso (1966), de Carlos Coimbra. Em 1968, produziu o longa-metragem Corisco, o diabo loiro, também de Coimbra, e em 1969 formou-se em economia pela Universidade Mackenzie.

Nos anos 70, produziu comédias recordistas de público como Histórias que nossas babás não contavam (1979) e O Bem Dotado – O Homem de Itu (1978). Estreou na direção com A superfêmea (1973), estrelado por Vera Fischer. Destacou-se também como produtor executivo de filmes de grande porte, como Independência ou morte (1972), de Carlos Coimbra, e O Caçador de Esmeraldas (1979), de Oswaldo de Oliveira. Em 1980, fundou sua própria produtora, a Cinearte, onde realizou obras marcantes dos anos 80, como Mulher objeto (1980), de Silvio de Abreu, coproduziu Das tripas coração (1982), de Ana Carolina, e Filme demência (1985), de Carlos Reichenbach. Ficou conhecido como produtor dos filmes mais marcantes de Walter Hugo Khouri, como Amor, estranho amor (1982). Em 2003, produziu e dirigiu Pelé Eterno, selecionado para a mostra Cinéma de la Plage, do Festival de Cannes.

Filmografia

:: Filmografia como Diretor ::

2004 :: Pelé Eterno
1996 :: O cangaceiro
1973 :: A superfêmea

:: Filmografia como Produtor ::

2004 :: Pelé Eterno
1991 :: Forever, de Walter Hugo Khouri
1986 :: Eu (1986), de Walter Hugo Khouri
1985 :: Filme demência (1985), de Carlos Reichenbach
1982 :: Amor, estranho amor (1982), de Walter Hugo Khouri
1982 :: Das tripas coração (1982), de Ana Carolina. Coprodutor.
1980 :: Mulher objeto (1980), de Silvio de Abreu
1979 :: Histórias que nossas babás não contavam (1979), de Oswaldo de Oliveira
1979 :: O Bem Dotado – O Homem de Itu
1974 :: As Delícias da Vida
1972 :: Independência ou morte
1971 :: Lua-de-mel e amendoim (1971), de Fernando de Barros e Pedro Rovai
1975 :: Cada um dá o que tem (1975), de Adriano Stuart, John Herbert e Sílvio de Abreu
1968 :: Corisco, o diabo loiro (1968), de Carlos Coimbra

:: Filmografia como Gerente de Produção ::

1966 :: O Santo Milagroso

:: Filmografia como Produtor Executivo ::

2004 :: Pelé Eterno
1979 :: O Caçador de Esmeraldas

Bibliografia

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Artigos Relacionados

Um comentário em “Aníbal Massaíni Neto

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.