fbpx

Chico Botelho (1948-1991)

Biografia

Francisco Cassiano Botelho Jr., em arte conhecido como Chico Botelho, é um cineasta e diretor de fotografia brasileiro nasceu em Santos (SP) em 1948. Em 1964, mudou-se para a cidade de São Paulo. Formou-se em Fotografia pela ECA-USP em 1973.

Estreia no cinema em 1972, como cofotógrafo no filme Teatro-Educação e no mesmo ano dirige seu primeiro curta, Gare do Infinito, em parceria com Ella Durst, que o acompanharia em vários filmes seguintes. O primeiro longa que fotografa é As Três Mortes de Solano, direção de Roberto Santos em 1976.

Em 1981, fundou a Tatu Filmes, com seis sócios, e depois a Orion. Dirigiu dois longas, Janete (1983), sobre a jovem prostituta que sofre maustratos em presídios, muito premiado em todo o Brasil e exterior; e Cidade Oculta (1986), que procura recriar o universo marginal de uma cidade grande.

Morre prematuramente em 08 de novembro de 1991, no Rio de Janeiro, aos 43 anos de idade, onde iria filmar uma série para TV, Paisagens Urbanas, de Nelson Brissac Peixoto. Foi casado com a produtora Maria Ionescu, com quem teve dois filhos, Felipe (1986) e Helena (1988).

Filmografia

:: Filmografia como Diretor de Fotografia ::

1992 :: Fronteira Carajás
1992 :: Jogo da Memória
1991 :: O Outro
1991 :: O Inventor
1991 :: Jogo da Memória
1991 :: Independência
1991 :: A Cidade e o Corpo
1989-Orí (MM) (cofot. Adrian Cooper, Cláudio Kahns, Hermano Penna, Jorge Bodanzky, Pedro Farkas, Raquel Gerber e Waldemar Tomas)
1989 :: A Arte no Auge do Império
1989 :: Nem Tudo que é Sonho Desmancha no Ar
1989 :: Pós-Modernidade
1988 :: Rock Paulista (cofot. Peter Overbeck)
1987 :: Arrepio
1987 :: Imagem
1987 :: Canabraba – A Necessidade de Expressão
1986 :: Prisão Mulher (LM) (Episódios: Fala Só de Malandragem e Nós de Valor… Nós de Fato)
1985 :: Céu Aberto (LM)
1984 :: O Evangelho Segundo Teotônio (LM)
1983 :: Hysterias (cofot. José Roberto Eliezer)
1982 :: Gaviões
1982 :: Aquarela de São Paulo
1982 :: Mulheres da Boca
1982 :: Tribunal Bertha Luz (cofot. Zetas Malzoni e Adrian Cooper)
1982/1985 :: Fala Só de Malandragem (MM)
1981 :: Vital Brasil e o Instituto Butantã
1980 :: Fogo Fátuo
1980 :: Estrada da Vida (LM)
1980 :: Os Italianos no Brasil (Andiamo In’America) (cofot. Pedro Farkas, Zetas Malzoni, Eduardo Poiano, Cristiano Maciel, Thomaz Farkas, Hugo Gama e Timo de Andrade)
1979 :: Kaingang
1978 :: Curumim (LM)
1978 :: Memória Viva: Caiapó
1978 :: Parada 88 – Limite de Alerta
1977 :: Daniel, Capanga de Deus (LM) (cofot. Dib Lutfi)
1976 :: As Três Mortes de Solano (LM)
1976 :: De Revolutionibus (cofot. Ella Durst)
1976 :: São João Del Rey Del Povo
1975 :: Território Livre
1974 :: Corpo de Baile do Theatro Municipal de São Paulo (cofot. Ella Durst)
1974 :: Corpo de Baile do Theatro Municipal de São Paulo (cofot. Ella Durst)
1973 :: Sob as Pedras do Chão (cofot. Ella Durst)
1973 :: José Bonifácio e a Independência (cofot. Ella Durst)
1972 :: Teatro-Educação (cofot. Marcos Maia, Gabriel Bonduki e Ella Botelho)
1972 :: Gare do Infinito (cofot. Ella Durst)
1972 :: Última Sequência (cofot. Ella Durst)
1972 :: Cinco Patamares (cofot. Ella Durst)

:: Filmografia como Diretor ::

1991 :: A Cidade e o Corpo
1986 :: Cidade Oculta
1984 :: A Longa Viagem
1983 :: Janete
1976 :: São João Del Rey Del Povo
1974 :: Corpo de Baile do Theatro Municipal de São Paulo (codir. Ella Durst)
1973 :: Exposição de Henrique Alvin Corrêa (codir. de Ella Durst)
1973 :: Gravuras de Alvin Corrêa (codir. Ella Durst)
1973 :: Exposição de Henrique Alvin Corrêa (codir. de Ella Durst)
1972 :: Gare do Infinito (codir. Ella Durst)
1972 :: Cinco Patamares (codir. Ella Durst)
1972 :: Gare do Infinito (codir. Ella Durst)

Bibliografia

Livros:

SILVA NETO, Antônio Leão da. Dicionário de Fotógrafos do Cinema Brasileiro. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2011.

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: historiadocinemabr[email protected]

Um comentário em “Chico Botelho (1948-1991)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.