fbpx

Chico Fumaça (1958)

Sinopse

Um simplório caipira, sem condições de se casar com a professora da escola, salva a vida de um deputado que, interessado na eleição, leva-o para o Rio de Janeiro para entregar-lhe uma recompensa. Uma quadrilha de contrabandistas e uma vedete procuram roubá-lo mas ele, enfurecido graças a uma dose de bebida alcoólica, prende os bandidos e ganha mais um título de herói.

Elenco

Amácio Mazzaropi …. Chico Fumaça
Montez, Nancy (Verinha Vogue)
Tovar, Carlos (Dr. Japércio Limoeiro)
Wilson Grey …. Didu, assessor de Limoeiro
Costa, Celeneh (Inocência)
Duval, Roberto (Prefeito)
Moema, Grace (Dona Marcelina)
Oliveira, Joyce (Esposa de Limoeiro)
Montel, Armando (Dr. Raposo)
Kirby, Suzi (Turista Americana)
Grijó Sobrinho (Maestro da banda)
Terra, Domingos (Seu Elias)
Cazarré Filho …. Cabo eleitoral
Costa, Carlos (Honório Honorato)
Celestino, Amadeo (Sub-prefeito)
Cauby Peixoto
Trio Nagô
Abrantes, Mara
Maria, Neuza
Vilar, Altair (Capanga do Dr. Raposo)
Silva, José (Baiano)
Leite, Ferreira (Maquinista)
Henrique, Carlos (Locutor de rádio)
Chiquinho …. Garçon
Generoso …. Capanga do Dr. Raposo

Ficha Técnica

Por trás dos filmes, além dos atores, dos figurinos, das câmeras, da arte, do som e de outros elementos mais facilmente perceptíveis na construção qualquer longa metragem, há também um verdadeiro exército de profissionais dedicados a viabilizar cada detalhe do intrincado quebra-cabeça artístico, operacional, logístico e financeiro da produção audiovisual.

Veja logo abaixo a equipe técnica de Chico Fumaça (1958) que o portal História do Cinema Brasileiro pesquisou e agora disponibiliza aqui para você:

Direção: Victor Lima
Argumento: Ramos, Alípio
Estória de: Victor Lima
Assistência de direção: Nelson, Oscar
Produção: Massaini, Oswaldo
Direção de produção: Ramos, Alípio
Produtor associado: Ramos, Alípio
Assistência de produção: Macedo, João
Coreografia: Williams, Tito
Direção de fotografia: Barrozo Netto, Hélio
Assistência de câmera: Costa, Hélio
Eletricista: Alves, Oswaldo
Direção de som: Barrozo Netto, Hélio; Vianna, Alberto
Montagem: Barrozo Netto, Hélio
Roteiro de montagem: Barrozo Netto, Hélio
Direção de arte: Alencastro, Alexandre
Assistencia de cenografia: Fernandes, Irineu; Queiroz, Gabriel
Contra-regra/acessórios de cenografia: Alencastro, Alexandre
Maquiagem: Rzepecki, Eric
Trilha musical: Gnatalli, Radamés
Companhia Produtora: Cinedistri – Companhia Produtora e Distribuidora de Filmes Nacionais
Companhia Distribuidora: Cinedistri – Companhia Produtora e Distribuidora de Filmes Nacionais

Canção
Título: Onde ela mora;
Autor da canção: Faissal, Lourival e Macedo, Getúlio;
Intérprete: Peixoto, Cauby;

Título: Saudade da Bahia;
Autor da canção: Caymi, Dorival;
Intérprete: Trio Nagô;

Título: Nova ilusão;
Autor da canção: Bittencourt, Luiz e Menezes, José;
Intérprete: Maria, Neusa;

Título: Agora é cinza;
Autor da canção: Barcelos, Alcebiades e Marçal, Armando Vieira;
Intérprete: Abrantes, Mara;

Título: Linda flor;
Autor da canção: Vogeler, Henrique; Peixoto, L. e Porto, M.;
Intérprete: Gonzaga, Zezé;

Título: Tóca sanfoneiro
Autor da canção: Oliveira, Anísio
Intérprete: Amácio Mazzaropi

Bibliografia

Fontes de Referência:

Livros:

DUARTE, Paulo. Mazzaropi: uma antologia de risos. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2009.

FRESSATO, Soleni Biscouto. Caipira sim, trouxa não: representações da cultura popular no cinema de Mazzaropi. Salvador: EDUFBA, 2011.

MATOS, Marcela. Sai da Frente! – A Vida e a Obra de Mazzaropi. São Paulo: Desiderata, 2010.

ROCHA, Glauber. Revisão crítica do cinema brasileiro.

TOLENTINO, Célia Aparecida Ferreira. O Rural no Cinema Brasileiro. São Paulo: Unesp, 2001.

Internet:

MUSEU MAZZAROPI. Disponível no endereço: http://www.museumazzaropi.com.br/. Acesso em: 28 de set. de 2011.

WIKIPEDIA. Disponível no endereço: http://pt.wikipedia.org/wiki/Amácio_Mazzaropi. Acesso em: 28 de set. de 2011.

Fontes utilizadas:
CB/Transcrição de letreiros-Cat
CENS/I
CB/Em Memória
Press-release

Observações:
CENS/I informa distribuído pela Unida Filmes em 1959.

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Um comentário em “Chico Fumaça (1958)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.