fbpx

Christian de Castro

Biografia

Christian de Castro Oliveira, em arte mais conhecido como Christian de Castro, é um produtor e gestor brasileiro nascido em Lins, São Paulo, no dia 19 de março de 1969. É formado em Engenharia pela Universidade Paulista (Unip), pós-graduação em Film & Televison Business pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e em Gestão do Conhecimento e Inteligência Empresarial pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (Coppe/UFRJ).

Christian de Castro tem mais de 18 anos de experiência acadêmica e profissional no setor audiovisual. Como diretor financeiro, atuou em diversas áreas do mercado financeiro, com passagens pelo Unibanco e pelo Banco Garantia. Além de consultor especializado em economia criativa, foi CEO da Luz Mágica Produções Audiovisuais.

Começou a carreira em 1998, quando fundou, junto com seu irmão, o cineasta Erik De Castro, a produtora BSB Cinema Produções. A empresa realizou os documentários Senta a pua! (1999), dirigido por Erik De Castro; A cobra fumou (2002), de Vinícius Reis, e A era dos campeões (2011), dirigido por Marcos Bernstein e Cesário Mello Franco.

Desde 2005, desenvolve serviços de consultoria relacionados à estruturação financeira de projetos, empresas e bancos para o setor audiovisual.

Em 2006, foi um dos criadores do RB CINEMA I Funcine, o primeiro fundo de investimentos privado do cinema brasileiro, que investiu recursos em filmes como O ano em que meus pais saíram de férias (2006), de Cao Hamburger; O maior amor do mundo (2006), de Carlos Diegues; Os desafinados (2008), de Walter Lima Jr., entre outros.

Em janeiro de 2007, tornou-se diretor financeiro da Vereda Filmes, distribuidora de filmes brasileiros voltada para o mercado internacional. No final deste mesmo ano, foi convidado para ser o consultor administrativo e financeiro da distribuidora Lumière.

Em 2008, atuou como assessor da diretoria da Agência Nacional do Cinema (Ancine) especializado em assuntos financeiros e comerciais relacionados à atividade audiovisual.

Em 2014, foi lançada a sua produção Rio, eu te amo, franquia brasileira da série Cities of Love realizadora dos filmes Paris, je t’aime e New York, I love you.

Em 2016, assumiu o cargo de CEO do grupo AfroReagge.

No dia 03 de janeiro de 2017, o presidente Michel Temer, através do Diário Oficial da União, publicou sua nomeação para ocupar a função de Diretor-Presidente da Ancine, cargo que vinha sendo ocupado interinamente por Débora Ivanov desde junho de 2017. Christian de Castro foi indicado como diretor no final do ano passado pelo Ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, e desde então era tido como nome da preferência do ministro para a presidência da agência.

Filmografia

:: Filmografia como Produtor ::

2014 :: Rio, eu te amo
2011 :: A era dos campeões, dirigido por Marcos Bernstein e Cesário Mello Franco
2010 :: Federal – O Filme, de Erik de Castro
2002 :: A cobra fumou, de Vinícius Reis
1999 :: Senta a pua!, de Erik de Castro

Bibliografia

Internet:

ANCINE. Senado Federal aprova a indicação de Christian de Castro Oliveira para Diretoria da ANCINE. Disponível no endereço: https://www.ancine.gov.br/pt-br/sala-imprensa/noticias/senado-federal-aprova-indica-o-de-christian-de-castro-oliveira-para-diretoria
FILMEB. Christian de Castro. Disponível no endereço: http://www.filmeb.com.br/quem-e-quem/produtor/christian-de-castro

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.