fbpx

Cine Gibi – O Filme (2004)

Sinopse

Cine Gibi é um filme lançado por Maurício de Sousa em 2004. O filme, mostra a Turma da Mônica, em um cinema, roedado de crianças e adultos. No mesmo, é lançado uma série de histórias, com a ajuda de uma máquina (que o personagem Franjinha inventou). Franjinha, o garoto inventor da Turma da Mônica, resolve ler gibis de outro jeito: com os quadrinhos em movimento. E inventa um grande liquidificador que engole gibis e projeta suas histórias nas telas dos cinemas.

Elenco

Maurício de Sousa
Luciano Huck
Wanessa Camargo
Fernanda Lima
Pedro
Thiago

Ficha Técnica

Direção: José Márcio Nicolosi
Roteiro: Airon Barreto, José Márcio Nicolosi, Marcelo Verde, Márcio Araújo, Emerson Bernardo de Abreu (episódio “Em Busca do Nariz de Isabelle”), Rosana Munhoz (episódio “Concurso de Beleza” e “Um Amor Dentuço”), Flávio Teixeira de Jesus (episódio “O Caça Sansão”) e Paulo Back (episódio “Um Cenário para meus Bonequinhos” e “Irmão Cascão”)
Produção: Nilza Faustino e Fernando de Moraes Schier
Produção executiva: José Amancio
Supervisão geral: Mauricio de Sousa
Co-produção: Estúdios Mauricio de Sousa Produções, Paramount International Pictures e United International Pictures – UIP
Música: Márcio Araújo
Efeitos sonoros: Márcio Araújo
Trilhas e efeitos sonoros: Danilo Adriano, Marcelo Sousa e João Boy
Engenheiro de áudio: Edgardo Rapetti
Consultor Dolby: Carlos B. Klachquin
Trailer – Locução: Carlos Tureta
Distribuição: UIP

Bibliografia

Livros:

FOSSATTI, Carolina Lanner. Cinema de Animação: um diálogo ético no mundo encantado das histórias infantis. Porto Alegre: Sulina, 2011.

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.