fbpx

Cine-Theatro Ideal – Rio de Janeiro – RJ

Histórico

Os quatro sobrados que compunham originalmente o Cinema Ideal foram construídos em 1905 pelo construtor Miguel Bruno, a mando de seu proprietário, o Visconde de Moraes.

O Cinema Ideal foi inaugurado em 1909, quando a Empresa Pereira, Pinto e Cia., do ramo cinematográfico, adquiriu os quatro imóveis. Em 1913, o local passou por uma grande reforma que ampliou sua sala de projeção e colocou-o entre os maiores cinemas da cidade, ao lado do Cinema Avenida Central e do Íris, situado também na rua da Carioca. A cúpula assinada por Gustave Eiffel foi introduzida nesta grande reforma, transformando-se na grande novidade da cidade à época: por um dispositivo mecânico, se abria durante as sessões para renovar o ar e refrescar o ambiente. Era a única casa na América do Sul a projetar ao ar livre.

Um dos grandes frequentadores do Cinema Ideal foi Ruy Barbosa. Após a sua morte, uma cadeira foi interditada por corrente e identificada com uma placa comemorativa.

Em 1926, o Cinema Ideal passou a integrar a rede de cinemas de Luiz Severiano Ribeiro. Mais tarde, em 1994, os dois sobrados que originalmente comportavam a sala de projeção, sofreram um grande incêndio. Posteriormente, no ano de 1996, a construção foi vendida aos comerciantes Maurício Francisco Tauil e João Alves Ferreira.

Bibliografia

Livros:

Internet:

FREIRE, Quintino Gomes. Onde era o Cine Ideal agora tem uma casa de eventos, a Maison Leffié. Disponível no endereço: http://diariodorio.com/onde-era-o-cine-ideal-agora-tem-uma-casa-de-eventos-a-maison-leffie/

HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/cinema-ideal-rj/

TEATROS DO CENTRO HISTÓRICO DO RIO DE JANEIRO. Disponível no endereço: http://www.ctac.gov.br/centrohistorico/TeatroXPeriodo.asp?cod=97&cdP=20

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.