fbpx

Clélia Bessa

Biografia

Clélia Bessa é formada em Ciências Sociais pela UFRJ. Em 1986 entrou para a Embrafilme atuando na área de mercados especiais, passando ainda pelas seguintes empresas: TV Globo, Synapse Distribuidora e Fundação do Cinema Brasileiro.

Desde 1996 é sócia da Raccord Produções onde assinou a produção diversos filmes. Já produziu mais de 15 videoclips.

Atualmente, também coordena pela Raccord Produções as campanhas de lançamento de filmes brasileiros nas plataformas interativas. Lançou, Cartola, Meu Nome não é Johnny e Os Desafinados. É produtora do primeiro canal para a telefonia móvel – Canal Humanóides – em sua segunda temporada.

Está preparando o primeiro longa totalmente trabalhado através de mídias interativas – A Primeira Vez.

Já produziu mais de 10 filmes de curta metragem, entre eles Amar, Anjos Urbanos, O Cabeça de Copacabana, Para Ser Feliz Para Sempre, entre outros.

Na televisão, produziu as séries: “Nota 10”, Canal Futura, 2008; “Paidecendo no Paraíso” (Canal GNT / Globosat 2007); “Quando Éramos Virgens” (Canal GNT/ Globosat 2006); “Claro que É Rock”, (Canal Mulstishow / Globosat); “Como Ser Solteiro – A Série”, Dir. Geral Rosane Svartman “Mulheres no Cinema Brasileiro” (4 X 46´), de Sonia Necerssian, “Retratos” e “Registro” para o Canal Brasil e Multishow (mais de 30 programas); “Teca na TV” (Canal Futura, 150 episódios).

Filmografia

:: Filmografia como Produtora ::

2017 :: Correndo atrás (Em Produção)
2006 :: Cartola, de Lírio Ferreira e Hilton Lacerda
2006 :: Cafuné, de Bruno Vianna
2005 :: Mais Uma Vez Amor, de Rosane Svartman
2004 :: Vida de Menina, de Helena Soldberg
2003 :: Separações, de Domingos Oliveira
2001 :: A Breve História de Cândido Sampaio
2000 :: O Rap do Pequeno Príncipe Contra as Almas Sebosas, de Paulo Caldas e Marcelo Luna
1998 :: Como Ser Solteiro, Dir. Rosane Svartman
:: Amar
:: Anjos Urbanos
:: O Cabeça de Copacabana
:: Para Ser Feliz Para Sempre

Bibliografia

Internet:

RACCORD PRODUÇÕES. http://www.raccord.com.br/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.