fbpx

Daisy Lúcidi (1929-2020)

Biografia

Daisy Lúcidi Mendes, em arte conhecida como Daisy Lúcidi, foi uma atriz brasileira nascida no Rio de Janeiro (RJ) no dia 10 de agosto de 1929.

Começou sua carreira no teatro, ao ingressar na Escola Dramática do Teatro Municipal. Logo transferiu-se para a Rádio Tupi, levada por Ary Barroso e Teófilo de Barros, passando a atuar como atriz. Sua estreia aconteceu na novela O Morro dos Ventos Uivantes, como Cathy.

Com muito sucesso no rádio, estreou no cinema em 1948 em Folias Cariocas, mas fez poucos filmes, dedicando-se mais ao rádio e teatro. Como radialista, comandou, durante 46 anos, o programa Alô Daisy, na Rádio Nacional.

Lúcidi integrou o primeiro elenco de atores da Rádio Globo e fez sua estreia na TV em 1960. A primeira novela na Globo foi o Homem Proibido, em 1967.

Nos anos 1970, participou como jurada do programa Raul Gil.

Na televisão, atuou em algumas novelas como Nuvem de Fogo (1963), Enquanto Houver Estrelas (1969), João da Silva (1973), Supermanoela (1974), Bravo! (1975) e O Casarão (1976).

Ainda na década de 70, Daisy Lúcidi deixou a carreira de atriz para se dedicar à política, após insistência da então deputada federal pelo Arena, Lygia Lessa Bastos. Foi vereadora e deputada estadual durante 18 anos no Rio. Mas a vocação artística falou mais alto e, 31 anos depois, ela voltou a atuar.

Em 2007, retornou à televisão para o importante papel da síndica Iracema, em Paraíso Tropical. Em 2010, atuou em Passione, Silvio de Abreu. Sua última participação em novelas da Globo foi em Geração Brasil, em 2014.

Foi casada com o radialista e jornalista esportivo Luiz Mendes, falecido em 2011. É avó da modelo, apresentadora e atriz Babi Xavier.

Daisy Lúcidi faleceu, aos 90 anos, vítima de complicações decorrentes de infecção por Covid-19 no dia 07 de maio de 2020. Estava internada no Centro de Terapia Intensiva (CTI) do Hospital São Lucas, em Copacabana, Zona Sul do Rio, desde o dia 25 de abril.

Filmografia

2013 :: Vendo ou Alugo
1972 :: Eu Transo, ela Transa
1970 :: Quatro contra o Mundo (Episódio: O Anjo)
1951 :: Dentro da Vida
1948 :: Folias Cariocas

Bibliografia

Livros:

SILVA NETO, Antonio Leão da. Astros e estrelas do cinema brasileiro. 2. ed. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2010.

Internet:

G1.COM. Atriz e radialista Daisy Lúcidi morre de Covid-19 no Rio. Disponível no endereço: https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/noticia/2020/05/07/atriz-daisy-lucidi-morre-no-rio.ghtml
HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Daisy Lúcidi. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/daisy-lucidi/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.