fbpx

Dedé Santana

Biografia

Manfried Santana, em arte conhecido como Dedé Santana, é um ator, humorista, roteirista e cineasta brasileiro nascido em São Gonçalo (RJ), no Rio de Janeiro, no dia 29 de abril de 1936.

De família cigana, vivia em um circo e foi criado nos picadeiros dos circos. Pisou no picadeiro pela primeira vez com 3 meses de vida. No circo, fazia de tudo, trapézio, barra… era também engraxate, verdureiro, cortador de camisas e ajudante de mecânico. Sua mãe era contorcionista e seu tio, o humorista Colé Santana leva-o para a revista A Panela Está Fervendo, atuando ao lado de Arnaud Rodrigues. Seguiu sempre carreira artística. Eles se conheceram desde garotos. Em verdade, Ana Rosa se casou com 16 anos.

Com o irmão Dino Santana, formou a dupla Maloca e Bonitão, mas a virada se deu quando se transferiu para a TV Tupi e conheceu Renato Aragão.

Em 1966, na TV Excelsior, Dedé Santana começou a trabalhar com Renato Aragão.

Surgiu então a dupla: Didi e Dedé, que se destacaram no humorismo televisivo da emissora e acabaram indo trabalhar na TV Tupi de São Paulo. Com ele, formou Os Trapalhões. Depois de um tempo, se juntaram a Mussum e Zacarias e formaram: Os Trapalhões, o quarteto mais famoso do Brasil domina as telonas e telinhas do Brasil nos anos 1970 e 1980. O programa passou a ser transmitido na Rede Globo de Televisão. Fizeram muito sucesso, quer na TV, como em filmes.

Dedé, já havia aparecido em Bonequinha de Seda. Participou de vários filmes, como ator, de 1969 a 1999 participou de nada menos que 36 filmes. Todos de imenso sucesso dos Trapalhões. Estreou profissionalmente no cinema em 1962 em Rio à Noite e faz muitos filmes, antes de iniciar a série com Renato Aragão. Como cineasta, dirigiu cinco filmes para o quarteto, entre eles, Os Trapalhões e o Mágico de Oróz (1984) e Os Trapalhões no Rabo do Cometa (1986).

Além de ser ator, Dedé Santana foi roteirista de cerca de onze filmes. Mas com o falecimento de Zacarias e depois de Mussum o grupo se desfez.

Com o fim do programa Os Trapalhões, Dedé Santana foi para a TV Record em 1999, participar do programa Escolinha do Barulho. Depois, em 2005, para o SBT, convidado por Beto Carrero, para participar como protagonista do humorístico Dedé e o Comando Maluco, além de fazer parceria com ele em apresentações por todo Brasil.

Em 2008, se reconcilia com o amigo Renato Aragão e retorna à TV Globo e passa a participar do programa A Turma do Didi.

Na vida privada, Dedé Santana foi casado com a atriz Ana Rosa, com quem teve uma filha, Maria Leone, nascida em 1962.

Filmografia

:: Filmografia como Ator ::

2017 :: Os Saltimbancos Trapalhões – Rumo a Hollywood
2016 :: A repartição do tempo
2016 :: O Shaolin do Sertão
2011 :: Meu pai é figurante
2008 :: O Guerreiro Didi e a Ninja Lili
2006 :: Didi: O Caçador de Tesouros
2004 :: Didi Quer Ser Criança
2003 :: Didi: O cupido Trapalhão
2000 :: Um Anjo Trapalhão
1999 :: O Trapalhão e a Luz Azul
1998 :: Simão, o Fantasma Trapalhão
1997 :: O Noviço Rebelde
1991 :: Os Trapalhões e a Árvore da Juventude
1990 :: O Mistério de Robin Hood
1990 :: Uma Escola Atrapalhada
1989 :: Os Trapalhões na Terra dos Monstros
1989 :: A Princesa Xuxa e os Trapalhões
1988 :: Os Heróis Trapalhões – Uma Aventura na Selva
1988 :: O Casamento dos Trapalhões
1987 :: Os Trapalhões no Auto da Compadecida
1987 :: Os Fantasmas Trapalhões
1986 :: Os Trapalhões e o Rei do Futebol
1986 :: As Sete Vampiras
1986 :: Os Trapalhões no Rabo do Cometa
1985 :: Os Trapalhões no Reino da Fantasia
1984 :: Os Trapalhões e o Mágico de Oróz
1984 :: A Filha dos Trapalhões
1983 :: O Cangaceiro Trapalhão
1983 :: Atrapalhando a Suate
1983 :: O Trapalhão na Arca de Noé
1982 :: Os Vagabundos Trapalhões
1982 :: Os Trapalhões na Serra Pelada
1981 :: Os Saltimbancos Trapalhões
1981 :: O Mundo Mágico dos Trapalhões
1980 :: O Incrível Monstro Trapalhão
1980 :: Os Três Mosqueteiros Trapalhões
1979 :: O Cinderelo Trapalhão
1979 :: O Rei e os Trapalhões
1978 :: Os Trapalhões na Guerra dos Planetas
1977 :: O Trapalhão nas Minas do Rei Salomão
1976 :: Simbad, o Marujo Trapalhão
1976 :: O Trapalhão no Planalto dos Macacos
1975 :: O Trapalhão na Ilha do Tesouro
1974 :: Robin Hood – o Trapalhão da Floresta
1973 :: Aladim e a Lâmpada Maravilhosa
1973 :: Sob o Domínio do Sexo
1972 :: Irmãos sem Coragem
1972 :: Ali Babá e os Quarenta Ladrões
1971 :: Bonga, o Vagabundo
1970 :: Se Meu Dólar Falasse…
1970 :: 2000 Anos de Confusão
1970 :: A Ilha dos Paqueras
1969 :: Deu a Louca no Cangaço
1968 :: Dois na Lona
1967 :: A Espiã que entrou em fria
1966 :: Lana, Rainha das Amazonas (Lana – Krönigin Der Amazonen) (Alemanha/Brasil)
1966 :: Adorável Trapalhão
1965 :: Na Onda do Iê-Iê-Iê
1965 :: A Pedra do Tesouro (CM)
1962 :: Rio à Noite

:: Filmografia como Diretor ::

1986 :: Os Trapalhões no Rabo do Cometa
1985 :: Os Trapalhões no Reino da Fantasia
1984 :: A Filha dos Trapalhões
1984 :: Os Trapalhões e o Mágico de Oroz
1983 :: Atrapalhando a Suate
1981 :: Os Saltimbancos Trapalhões

:: Filmografia como Roteirista ::

1984 :: A Filha dos Trapalhões

Bibliografia

Fontes de Referência

Livros:

FONSECA, Rodrigo. Renato Aragão: do Ceará para o coração do Brasil. Rio de Janeiro: Sextante, 2017.
JOLY, Luis; FRANCO, Paulo. Os Adoráveis Trapalhões. São Paulo: Matrix, 2007.
SANTANA, Dedé. Dedé Santana: um Trapalhão de Deus. : , .
SILVA NETO, Antonio Leão da. Astros e estrelas do cinema brasileiro. 2. ed. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2010.

Internet:

HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Dedé Santana. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/dede-santana/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]