fbpx

Didi quer ser Criança (2004)

Sinopse

Didi (Renato Aragão) trabalha como provador de balas em uma pequena fábrica de doces tradicionais, que enfrenta a forte concorrência de uma outra fábrica, que produz doces usando corantes e ingredientes artificiais que fazem mal às crianças. Além disto a pequena fábrica em que Didi trabalha enfrenta a mídia da concorrência, que produz comerciais voltados para as crianças. Apesar de tentar convencê-las de que balas com ingredientes artificiais fazem mal elas não ouvem Didi, já que criança não ouve adulto. À noite Didi pede ajuda aos santos Cosme (Rafael de Castro) e Damião (Daniel de Castro) e tem seu desejo atendido na figura de dois homens maltrapilhos, a quem Didi ajuda. Eles dão a Didi um saco de balas mágicas, que têm o poder de transformar quem as come em criança. É a grande chance que Didi esperava para poder enfim convencer as crianças a rejeitarem balas artificiais e recuperarem o espírito de Cosme e Damião.

Elenco

Renato Aragão (Didi)
Werner Schünnerman (Armando)
Cláudio Heinrich (Felipe)
Fernanda Lima (Sandrinha)
Didi Wagner (Adriana)
Daniella Cicarelli (Kátia)
Pedro Malta (Felipe – criança)
Bruno Cariati (Didi – criança)
Maria Luísa Rodrigues (Sandrinha – criança)
Paulo Ricardo Corrêa (Juquinha)
Elias Gleizer (Seu Tião)
Rafael de Castro (Cosme)
Daniel de Castro (Damião)
Charles Paraventi (Prof. Muller)
Raphael Molina (Pipoqueiro)
Jacaré (Segurança do parque)
Marcelo Augusto (Segurança do parque)
Bianca Rinaldi (Mulher da rifa)
Fábio Villa Verde (Motorista da ambulância)

Ficha Técnica

Por trás dos filmes, além dos atores, dos figurinos, das câmeras, da arte, do som e de outros elementos mais facilmente perceptíveis na construção qualquer longa metragem, há também um verdadeiro exército de profissionais dedicados a viabilizar cada detalhe do intrincado quebra-cabeça artístico, operacional, logístico e financeiro da produção audiovisual.

Veja logo abaixo a equipe técnica de Didi quer ser Criança (2004) que o portal História do Cinema Brasileiro pesquisou e agora disponibiliza aqui para você:

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

3 comentários sobre “Didi quer ser Criança (2004)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.