fbpx

Edson Celulari viverá Silvio Santos nas telonas

Notícia

Da miséria das ruas à nobreza da fama: é este o caminho que Edson Celulari está incumbido de traçar em seu próximo trabalho para os cinemas. Ele viverá o apresentador Silvio Santos, num filme que vai contar a história do ex-camelô que se tornou dono de emissora e um dos homens mais ricos do país.

E o “Homem do Baú” já aprovou o roteiro da cinebiografia. Quem escreveu foi Carlos Augusto de Oliveira, o Guga, irmão do diretor geral da TV Globo, José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o “Boni”. Guga também assume a direção do longa, que é baseado no livro A Fantástica História de Silvio Santos, lançado em 2000 pelo jornalista Arlindo Silva.

Arlindo escreveu a obra baseado em sua convivência direta com o apresentador: o jornalista foi porta-voz de Silvio Santos entre 1975 e 2000. Ele retratou a vida do dono do SBT desde o antigo Senor Abravanel das ruas, até a ascensão como apresentador e empresário. O livro passa ainda, por momentos de frustração, como a candidatura de Silvio à presidência, em 1989.

Para contar a história, Edson Celulari contracena com sua esposa e atriz Cláudia Raia, que vive Íris Abravenel, atual esposa de Silvio Santos. Carlos Alberto de Nóbrega interpreta o pai de Silvio enquanto temos o ator Bruno Mazzeo no papel de Chico Anysio.

As filmagens devem começar no próximo mês, no Rio de Janeiro. A estreia deveria ser no dia 12 de dezembro, em homenagem aos 80 anos completados pelo “Homem do Baú”. No entanto, o lançamento deve ocorrer só mesmo no ano que vem.

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.