fbpx

Edson Montenegro (1957-2021)

Edson Montenegro foi um ator e cantor brasileiro nascido no Rio de Janeiro (RJ) no dia 28 de outubro de 1957.

Demonstrou interesse pela música aos 07 anos, tocando acordeon para as visitas em sua casa. Juntamente com suas irmãs, formou um trio musical onde cantava sob supervisão de sua mãe, corista da igreja local. Anos depois, iniciou suas aulas de percepção musical, teoria e canto coral no Instituto Villa Lobos no Rio de Janeiro.

Nos anos 80, veio para a cidade de São Paulo e fez um ano de bel canto na Faculdade Alcântara Machado (FMU), onde percebeu que sua veia artística pertencia à outras vertentes.

Em l982, gravou seu primeiro Lp gospel intitulado Edson Cruz; em seguida o segundo LP com o título Essencial. Em 1984, ganhou o concurso Novos Talentos no SBT iniciando sua jornada artística.

Seu primeiro show em São Paulo foi no ano de 1990, no Espaço Off com Silvia Góes (piano), Arismar do Espírito Santo (baixo) e direção artística de Jean Garfunkel. Na MPB descobre sua verdadeira paixão e torna-se Crooner de bandas importantes: Banda da Patroa (Maestrina Silvia Góes), L. F. Combow (Maestro Laércio de Freitas), Grupo Vocal Oito em Ponto (Maestro Tasso Bangel), entre outros.

Em 1991, fez curso de interpretação com atriz Miriam Munis. No mesmo ano, participou do Novo Festival Record da MPB como solista da Banda Savana do maestro Branco e direção geral de Caetano Zama. A música era “Ouve Amor” de Caetano Zama. No mesmo ano, participou do Festival Carrefour de MPB com a música: Sol e Lua de Rafael Alterio e Rita Alterio, com direção geral de Zuza Homem de Melo.

Em 1992, ganhou o prêmio de melhor intérprete no 1° Festival de MPB de Tatuí com a música: É só navegar de Rafael Alterio/Rita Alterio.Em 1993 participou do musical Hair de Germone Ragni e James Rado com direção de Jorge Fernando. Seu personagem era o Hud.

Seu primeiro contato com a Jazz Sinfônica se deu quando cantava no grupo vocal Tom da Terra, com direção geral do Maestro Tasso Bangel. Edson e seu grupo era contratado da Universidade Livre de Música. O maestro e idealizador da Sinfônica Cyro Pereira convidou o grupo para alguns concertos em sua sala sede, Memorial da América Latina, entre 1991 e 1993.

De 1999 à 2002, foi o apresentador do Programa Zoom, na TV Cultura. Zoom era um programa de curtas e animações, além de entrevistas com cineastas.

Em 2002, lançou seu primeiro Cd pela Lua Music intitulado Edson Montenegro. O Cd teve como arranjador Jose Roberto Borrelli e como produtor Thomaz Roth. O Cd conta com as participações de Wilson Simoninha e Eduardo Gudin. O show de lançamento foi no Sesc Pompeia em 18/02/2002

Em 2005, em homenagem ao centenário de Ari Barroso, Edson Montenegro e Fabiana Cozza realizaram um espetáculo no SESC Ipiranga chamado Aquarelas do Ari, cantando suas músicas e interpretando pequenos textos do artista, com um repertório de grandes sucessos. Com Fábio Torres (piano), Marcos Teixeira (violão), Arismar do Espírito Santo (baixo), Ubaldo Versolatto (clarinete e flauta), Vitor Alcântara (sax e flauta), Jorge Saavedra (bateria) e Luiz Carlos de Paula (percussão). A direção musical fica por conta de Luiz Roberto Oliveira, sendo o roteiro e a direção artística de Sérgio Lima.

Em 2006, fez Sinfonia do Rio de Janeiro, Grande Circo Místico (2008 ) com repetição desse concerto em Buenos Aires e Festival de Campos do Jordão em (2013), todos sob regência de João Mauricio Galindo. Em Setembro de 2006 estreia no Brasil o musical Sweet Charity, dirigido por Charles Möeller e Cláudio Botelho com Cláudia Raia no papel principal e Marcelo Médici como Oscar Lindquist, seu personagem era o pastor Daddy.

Em 16/11/2008 participa do espetáculo: Cartola para todos no auditório Ibirapuera ao lado de nomes conhecidos como Wanda Sá, Toninho Ferragutti, Thobias da Vai Vai, Tony Gordon, Camilo Carrara, Mona Gadelha, Mario Manga, Marcos Matoli (Clube do Balanço) e Enok Virgulino, assim como de artistas que estão surgindo, como a cantora Bluebell (elogiada por Marisa Monte), Graça Cunha, Emerson Villani, Lupa Mabuz, Marco Soares , Marcelo Aquino, Rica Caveman, entre outros.

Em 20/03/2009, em comemoração aos 25 anos da Companhia Pia Fraus, Edson participou do espetáculo Bichos do Mundo no Auditório da Unidade Provisória do SESC Avenida Paulista. Concebida por Beto Andretta, fundador da Pia Fraus, a peça é composta de treze canções compostas por ele, que percorrem ritmos variados, de rock a reggae e mpb, enquanto bonecos, coreografias e projeções interagem de forma lúdica com as músicas apresentadas.

Em 2010, participou do show Eduardo Gudin & Notícias Dum Brasil – 3 Tempos, como artista convidado ao lado de Mônica Salmaso, Renato Braz, Luís Bastos, Márcia Lopes Fabiana Cozza, Maria Martha, Edson Montenegro, Marilise Rossato e Luciana Alves em 2 dias de apresentações.

Em 2011, participou do Lançamento do CD e DVD do projeto: Notícias Dum Brasil 3 tempos no Sesc Pompeia. No mesmo ano, realizou um show no Itaú Cultural com a Banda Savana. Formado por 19 músicos, sob o comando do trompetista, arranjador, compositor e maestro José Roberto Branco a banda tem um repertório marcado por arranjos de músicas da bossa nova.

Na Globo, fez participações nas séries Sandy & Junior e Brava Gente, e na minissérie Dona Flor e Seus Dois Maridos.

Além dos trabalhos na TV, ele ainda era cantor e teve carreira de sucesso no teatro, com passagens por vários musicas, e no cinema. Um personagem de destaque foi Dito, pai de Buscapé, no filme Cidade de Deus, lançado em 2002.

Edson Montenegro faleceu aos 63 anos por complicações da Covid-19 no dia 21 de março de 2021. Estava internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) no Hospital Paulistano, na Bela Vista, em São Paulo, após o diagnóstico de coronavírus e precisou ser sedado e entubado.

Filmografia

2016 :: Mundo deserto de almas negras
2002 :: Cidade de Deus

Bibliografia

Internet:

EDSON MONTENEGRO – SITE. Disponível no endereço: https://negomonte2.wixsite.com/edson-montenegro/
G1. Edson Montenegro, ator de ‘Cidade de Deus’, morre de Covid-19. Disponível no endereço: https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/2021/03/21/edson-montenegro-ator-de-cidade-de-deus-morre-de-covid-19.ghtml
GSHOW. Ator Edson Montenegro morre aos 63 anos, vítima da Covid-19. Disponível no endereço: https://gshow.globo.com/google/amp/Famosos/noticia/ator-edson-montenegro-morre-aos-63-anos-vitima-de-covid-19.ghtml
HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Edson Montenegro. Disponível no endereço: https://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/edson-montenegro/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.