fbpx

Eduardo Galvão (1963-2020)

Eduardo Souza Galvão, em arte conhecido como Eduardo Galvão, foi um ator brasileiro nascido no Rio de Janeiro (RJ) no dia 19 de abril de 1963.

Estreou na televisão em 1989, na novela O Salvador da Pátria. Firmou-se a partir daí como ator, ao participar de séries, especiais e novelas. Entre tantos trabalhos, destacam-se Despedida de Solteiro (1992), O Fim do Mundo (1996), Porto dos Milagres (2001), Começar de Novo (2005) e Paraíso Tropical (2007).

Em 2008, contratado pela TV Bandeirantes, participou da novela Dance, Dance, Dance, interpretando Lúcio Pimentel.

Ao longo da carreira, fez ainda parte do elenco de produções de outras emissoras, como a série Um Menino Muito Maluquinho, coproduzida pela antiga TVE (hoje TV Brasil). Na Record TV, interpretou o personagem Alan na novela Apocalipse, em 2017. Seu último trabalho na televisão foi na novela Bom Sucesso, da TV Globo.

Fez pouco cinema, sendo sua estreia em 1999 no filme Tiradentes. Seguiram-se os filmes Minha Vida em Suas Mãos (2000); Didi, o Caçador de Tesouros (2006); Flordelis – Basta uma Palavra para Mudar (2009); Turbulência (2016); Em nome da lei (2019); Um Tio quase perfeito (2017); Nada a Perder – Contra tudo. Por Todos. (2018) e Nada a Perder 2 (2019).

Foi casado com Priscila Ferrari, com quem teve uma filha, Mariana Galvão (1989).

Eduardo Galvão faleceu prematuramente, aos 58 anos, vítima da Covid-19, na noite de 07 de dezembro de 2020. O ator estava internado há mais de uma semana no Hospital Unimed, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, onde seguiu para a UTI (Unidade de Terapia Intensiva) após ser diagnosticado com 50% dos pulmões comprometidos.

Livros:

SILVA NETO, Antonio Leão da. Astros e estrelas do cinema brasileiro. 2. ed. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2010.

Internet:

HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Eduardo Galvão. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/eduardo-galvao/
R7. Morre, aos 58 anos, o ator Eduardo Galvão, vítima da covid-19. Disponível no endereço: https://entretenimento.r7.com/famosos-e-tv/morre-aos-58-anos-o-ator-eduardo-galvao-vitima-da-covid-19-08122020
REVISTA QUEM. Com Covid-19, Eduardo Galvão morre aos 58 anos. 08 de dezembro de 2020. Consultado em 8 de dezembro de 2020.

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Artigos Relacionados

Um comentário em “Eduardo Galvão (1963-2020)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.