fbpx

Esse mundo é meu (1964)

Sinopse

Contraponto de duas histórias de dois casais de favelados. Um operário, sem encontrar solução para os problemas de dinheiro que seu salário apresenta, reúne-se a seus colegas e fazem uma greve.

Considerado por Luc Mullet um dos filmes mais importantes de 1964, em artigo no Cahiers du Cinema. O filme Esse mundo é meu foi dirigido por Sérgio Ricardo, que também é o compositor da trilha sonora do filme; tem a montagem de Ruy Guerra e câmera de Dib Lutfi. Brilhante interpretação de Antonio Pitanga.

Elenco

Antonio Pitanga
Léa Bulcão
Maria da Glória Arruda
Ziraldo
Sérgio Ricardo
Scandal
Ruy do Prado
Moradores da favela da Catacumba

Participação especial:
Agildo Ribeiro
Francisco Milani
Maria Helena Dias
Cidália Salles
Ary Toledo

Ficha Técnica

Por trás dos filmes, além dos atores, dos figurinos, das câmeras, da arte, do som e de outros elementos mais facilmente perceptíveis na construção qualquer longa metragem, há também um verdadeiro exército de profissionais dedicados a viabilizar cada detalhe do intrincado quebra-cabeça artístico, operacional, logístico e financeiro da produção audiovisual.

Veja logo abaixo a equipe técnica de Esse mundo é meu (1964) que o portal História do Cinema Brasileiro pesquisou e agora disponibiliza aqui para você:

Direção: Sérgio Ricardo
Roteirista: Sérgio Ricardo
Estória: Baseada na peça Aventuras de Ripió Lacraia de Autoria de Francisco de Assis
Produção: Sérgio Ricardo
Direção de produção: Otávio III e Ruy do Prado
Direção de fotografia: Dib Lutfi
Câmera: Dib Lutfi
Técnico de som: Aluízio Alves
Montagem: Ruy Guerra e Sérgio Sanz
Música: Carlos Diegues e Geny Marcondes
Empresa Produtora: Copacabana Filmes Ltda.
Empresas Distribuidoras: Unibrasil Filmes Ltda. | Aurocine Distribuidora

Bibliografia

Fontes de Referência:

Internet:

CINEMATECA BRASILEIRA. CINEMATECA BRASILEIRA
HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Esse mundo é meu. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/esse-mundo-e-meu/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Um comentário em “Esse mundo é meu (1964)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.