fbpx

Grupo Paris Filmes

Empresa

No final da década de 50, o romeno Sandi Adamiu imigra para o Brasil. Pelo domínio do idioma francês, tem grande facilidade em comercializar os títulos da Pathé (grande produtora da França até hoje), trazendo muitos filmes franceses ao Brasil. Com a progressão na distribuição, resolve investir também na exibição, criando o primeiro cinema do grupo, o Cine Marrocos.

Em 1968, seu filho, Alexandre Adamiu, assume o comando da empresa. Com sangue mais jovem, resolve ousar, trazendo filmes americanos e mais agressivos como King Kong, Calígula, e muitos outros, obtendo resultados espetaculares. Com isso, a Paris Filmes torna-se líder no mercado de distribuição e expande seu circuito exibidor, sendo a primeira empresa exibidora brasileira a acreditar em cinema dentro de Shopping Center, construindo as primeiras salas no BH Shopping.

Em 1986, firma uma joint-venture com o Grupo Severiano Ribeiro, o maior e mais tradicional exibidor brasileiro, onde constrói o primeiro multiplex da América Latina, no Park Shopping de Brasília, com 8 salas.

Atualmente, a empresa foca principalmente no mercado de distribuição e é dirigida por Márcio Fraccaroli – CEO e gestor da empresa e Sandi Adamiu – diretor de marketing .

Muito bem estruturada, com sede própria em São Paulo, a Paris Filmes possui atualmente uma equipe de profissionais altamente capacitados, sempre antenada com as novas tendências do mercado.

A Paris Filmes é uma empresa consolidada, que desde 1960 atua no mercado de distribuição e exibição de filmes. A atividade que inicialmente voltava-se apenas ao cinema, atualmente atua nas áreas de home video e televisão. É alicerçada em uma estrutura independente, onde a qualidade de seus produtos, a credibilidade e o respeito com que se trabalha, são ingredientes indispensáveis para o resultado de grandes conquistas, que fizeram e fazem da Paris Filmes uma das mais respeitadas e tradicionais distribuidoras.

Desde 2004, a Paris Filmes vem com força total, trazendo grandes sucessos de público como Jogos Mortais, O Clã das Adagas Voadoras, Sahara, P.S. Eu Te Amo, além de filmes premiados com Boa Noite e Boa Sorte, No Vale das Sombras e fenômenos como o recente Juno.

A Paris Filmes busca uma relação de transparência e estimula o diálogo, a difusão de novas tendências e o desenvolvimento da cinematografia.

A Paris Filmes traz uma filosofia simples e de resultado.

A Paris Filmes é uma empresa brasileira que atua no mercado de distribuição, produção e exibição de filmes.

A companhia está alicerçada em uma estrutura independente, onde a qualidade de seus produtos e o respeito com que se trabalha são elementos indispensáveis. Unidos, esses fatores fizeram e fazem da empresa hoje, uma das mais respeitadas e tradicionais distribuidoras do país.

A partir de 2011, a empresa passou a atuar também na produção de filmes brasileiros. O investimento foi
um novo desafio que deu certo, desde sua primeira aposta, com o longa metragem ‘De Pernas Pro Ar’, do diretor Roberto Santucci.

Atualmente, onze filmes já foram produzidos pela companhia, entre eles: ‘E Aí Comeu’, ‘Cilada.com’ e ‘Minha Mãe É Uma Peça – O Filme’.

Em 2009 a companhia conseguiu firmar seu espaço no mercado se tornando líder dentre as distribuidoras nacionais ao apoiar grandes e pequenas produções, nacionais e internacionais, dentre elas o fenômeno ‘A Saga Crepúsculo’. Em 2011, fechou o ano como a maior distribuidora independente e a 3ª maior em participação de market share. E no ano seguinte, confirmou seu espaço ao conquistar o 1º lugar em Market Share dentre todas as distribuidoras, majors e independentes, além de distribuir grandes sucessos como o filme brasileiro com maior número de bilheteria no ano, ‘Até que a Sorte Nos Separe’, do diretor Roberto Santucci. Neste mesmo ano, a Paris Filmes lançou a nova franquia cinematográfica ‘Jogos Vorazes’, além de distribuir os premiados: ‘O Artista’, ‘A Dama de Ferro’ e ‘Meia-Noite em Paris’.

A Paris Filmes segue sua trajetória de sucesso em 2013. São da distribuidora os dois maiores filmes nacionais até aqui, ‘De Pernas Pro Ar 2’ e ‘Minha Mãe É Uma Peça – O Filme’, que por conta de seu sucesso já tem uma sequência encomendada. E a previsão é de mais bilheteria com ‘Crô – O filme’, de Bruno Barreto e ‘Meu Passado me Condena’, de Júlia Rezende. Para os títulos internacionais, a previsão também é ótima: depois de sucessos como ‘Truque de Mestre’ e ‘O Lado Bom da Vida’, as grandes produções até o final do ano incluem ‘Os Suspeitos’, com Hugh Jackman e Jake Gyllenhaal; ‘Rota de Fuga’, com Arnold Schwarzenegger e Sylvester Stallone; ‘Ender’s Game – O Jogo do Exterminador’, de Gavin Hood; além de ‘Última Viagem a Vegas’, com Robert De Niro, Michael Douglas e Morgan Freeman e o segundo filme da franquia Jogos Vorazes – Em Chamas’, de Francis Lawrence.

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Artigos Relacionados