fbpx

Guglielmo Lombardi

Biografia

Guglielmo Lombardi, conhecido carinhosamente no meio cinematográfico como Memmo Lombardi ou Guilherme Lombardi, foi um diretor de fotografia. Irmão dos fotógrafos Ugo Lombardi e Rodolfo Lombardi.

Na Itália, trabalhou como assistente de câmera, sendo que seu primeiro filme é dirigido por Roberto Rosselini, L’Uomo Dalla Croce. Chega ao Brasil no final dos anos 1950, apoiado pelo irmão Ugo. Seu primeiro filme no Brasil é Bahia de Todos os Santos (1961), de Trigueirinho Neto, a partir do qual constitui sólida carreira de fotógrafo no cinema paulista, até 1981, incluindo-se também documentários institucionais, além de ter sido um dos fotógrafos da série Vigilante Rodoviário, realizada em película 35mm. Seu último filme brasileiro como fotógrafo data de 1981.

Aposentado, Guglielmo Lombardi retorna à Itália, por lá falecendo.

Filmografia

1943- L’Uomo Dalla Croce (Itália); 1946-Aquila Nera (Itália) (cofot. Rodolfo Lombardi); 1950-Il Leone di Amalfi (Itália) (cofot. Rodolfo Lombardi); 1954- L’Amante di Paride (Itália) (cofot. John Allen, Desmond Dickinson e Fernando Risi); 1961-Bahia de Todos os Santos; Bruma Seca; 1962- O Vigilante Rodoviário (série brasileira em 38 episódios) (co-fot. Osvaldo Oliveira e Ary Fernandes); 1963-O Cabeleira; 1964-O Jovem na Força Aérea Brasileira (CM); O Vigilante e os Cinco Valentes (4 episódios da série Vigilante Rodoviário) (cofot. Osvaldo Oliveira e Ary Fernandes); O Vigilante contra o Crime (4 episódios da série Vigilante Rodoviário) (cofot. Osvaldo Oliveira e Ary Fernandes); Seara Vermelha; 1965- O Mistério do Taurus 38 (4 episódios da série Vigilante Rodoviário) (cofot. Osvaldo Oliveira e Ary Fernandes); Morte por 500 Milhões (cofot. por João Bourdain de Macedo, João Cerqueira, Ângelo Cipelli, Isolino Teixeira, Rivair Marques Jordão, Nestor Marques e Pedro Carlos Toloni); 1967- Os Incríveis neste Mundo Louco (cofot. João Bordain de Macedo); 1969- O Agente da Lei (4 episódios da série Vigilante Rodoviário) (cofot. Osvaldo Oliveira e Ary Fernandes); Golias contra o Homem das Bolinhas; Sou Louca por Você; 1970Balada dos Infiéis (cofot. Vitalino Muratori); Não Aperta Aparício; 1970-Dois Mil Anos de Confusão; Marcado para o Perigo (4 episódios da série Vigilante Rodoviário) (cofot. Osvaldo Oliveira e Ary Fernandes); 1972- A Herdeira Rebel-de; A Marca da Ferradura; Desafio a Aventura; Duas Lágrimas de Nossa Senhora Aparecida; Os Três Justiceiros; Paixão de um Homem; Pânico no Império do Crime (4 episódios da série Vigilante Rodoviário) (cofot. Osvaldo Oliveira e Ary Fernandes); 1975- Fracasso de um Homem nas Duas Noites de Núpcias (cofot. Edward Freund); 1978-O Dia da Independência (CM); Os Cangaceiros do Vale da Morte; 1979- Bico de Pena (CM); Tradições (CM); 1981- A Filha de Iemanjá; Conflito em San Diego.

Bibliografia

Livros:

SILVA NETO, Antonio Leão da. Dicionário de Fotógrafos do Cinema Brasileiro. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2011.

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.