fbpx

Henriette Morineau (1908-1990)

Biografia

Henriette Fernande Zoé Morineau, em arte conhecida como Henriette Morineau, foi uma atriz nascida em Niort, na França, no dia 29 de novembro de 1908. É mãe da atriz Antonieta Morineau.

Ainda menina, assistiu ao espetáculo O Cid, de Corneille, e saiu do teatro com o firme propósito de ser atriz. Mesmo sem o apoio da família, Henriette se lançou para a carreira.

Na década de 1940, veio para o Brasil e aqui se radica, dedicando-se quase que totalmente ao teatro embora tenha brilhado também no cinema, no qual estreou em 1951, no filme O Comprador de Fazendas.

Alta, esbelta, com gestos precisos, voz grave e leve sotaque, tornou-se uma das grandes damas do teatro brasileiro. Fundou sua própria companhia, celeiro inesgotável de novos valores durante décadas.

Na televisão, participou de duas novelas, Escrava Isaura (1976), como Madeleine Besançon, e Água Viva (1980), como Jojô.

Faleceu em 03 de dezembro de 1990 aos 82 anos de idade, de parada cardíaca no Rio de Janeiro.

Filmografia

1983 :: Perdoa-me por me Traíres
1981 :: Bonitinha, mas Ordinária
1968 :: Por um Amor Distante (Pour Un Amour Lointain) (França/Brasil)
1956 :: Leonora dos Sete Mares
1954 :: Alvorada de Glória (Inacabado)
1951 :: Presença de Anita
1951 :: O Comprador de Fazendas

Bibliografia

Livros:

ARTISTAS Unidos. Rio de Janeiro: Funarte / Cedoc. Dossiê Grupos e Companhias.
FRASER, Etty. Etty Fraser. São Paulo: [s.n.], s.d. Entrevista concedida a Rosy Farias, pesquisadora da Enciclopédia Itaú Cultural de Arte e Cultura Brasileiras. Não Catalogado
GUERINI, Elaine. Nicette Bruno & Paulo Goulart: tudo em família. São Paulo: Cultura – Fundação Padre Anchieta: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2004. 256 p. (Aplauso Perfil). 792.092 G932n
MAGALDI, Sábato; VARGAS, Maria Thereza. Cem anos de teatro paulista. São Paulo: Senac, 2000.
MORINEAU, Henriette. Rio de Janeiro: Funarte / Cedoc. Dossiê Personalidades Artes Cênicas.
PRADO, Décio de Almeida. Apresentação de teatro brasileiro moderno. Crítica teatral (1947-1955). São Paulo, Liv. Martins, 1956. 484 p.
PRADO, Décio de Almeida. Exercício findo: crítica teatral (1964-1968). São Paulo: Perspectiva, 1987. 289 p. (Coleção debates; 199).
PRADO, Décio de Almeida. O teatro brasileiro moderno: 1930-1988. São Paulo: Perspectiva, 1988. (Debates, 211).
PRADO, Décio de Almeida. Teatro em progresso: crítica teatral, 1955-1964. São Paulo: Martins, 1964. 314 p.
Programa do Espetáculo – Ensina-me A Viver – 1981 Não catalogado
SILVA NETO, Antonio Leão da. Astros e estrelas do cinema brasileiro. 2. ed. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2010.
SILVA, Tania Brandão da. Ora direis ouvi estrelas (Cias. Artistas Unidos e Nydia Licia-Sergio Cardoso) – projeto de pesquisa em andamento, apoiado pela Faperj.

Internet:

HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Henriette Morineau. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/henriette-morineau/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

3 comentários sobre “Henriette Morineau (1908-1990)

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.