fbpx

Ísis Valverde

Biografia

Ísis Nable Valverde, em arte mais conhecida como Ísis Valverde, é uma atriz brasileira nascida na cidade Aiuruoca (MG) no dia 17 de fevereiro de 1987.

Aos 15 anos, deixou a cidade, indo morar sozinha e estudar em Belo Horizonte. Aos dezesseis anos, começou a trabalhar como modelo e fez várias campanhas publicitárias, inclusive uma na qual declara ter fetiche por cócegas. Aos 18 anos mudou-se para o Rio de Janeiro, onde começou a estudar teatro. Estudando teatro, começou a tentar entrar na tv. Em 2005, fez um teste para viver Giovana na telenovela Belíssima, mas perdeu o papel para Paolla Oliveira. Pouco tempo depois, estreou na telinha como a misteriosa Ana do Véu do remake de Sinhá Moça (o mesmo papel que foi vivido por Patrícia Pillar na versão original de 1986).

Em 2007, interpretou a garota de programa Telma em Paraíso Tropical. Em 2008, fez sucesso na novela das 19 horas, Beleza Pura, onde viveu Rakelli, uma manicure filha da ex-chacrete Ivete (Zezé Polessa), que sonhava ser assistente de palco do Caldeirão do Huck. A menina namorava o pedreiro Robson (Marcelo Faria), inicialmente contra a vontade da mãe, que achava que a filha merecia coisa melhor.

Em 2009, a atriz esteve na novela Caminho das Índias interpretando Camila, uma jovem que conhece um indiano Ravi, (personagem de Caio Blat) e se apaixona por ele, mudando-se para a Índia, com dificuldades de se adaptar aos costumes do país.

Seu primeiro papel de destaque foi a misteriosa Ana do Véu na novela Sinhá Moça, em 2006. Em seguida, veio a jovem Rakelli da novela Beleza Pura, em 2008, personagem de maior destaque da sua carreira até então. Sua primeira protagonista veio como a personagem Marcela, no remake da novela Ti Ti Ti, papel que antes fora vivido por Elizabeth Savalla em Plumas e Paetês. Em 2012, deu vida à personagem Suellen em Avenida Brasil.

No ano seguinte, esteve na novela Ti Ti Ti, representando Marcela, que se envolveu em um triângulo amoroso entre Edgar (Caio Castro) e Renato (Guilherme Winter).

Em 2012 participou do seriado As Brasileiras, protagonizando o episódio A Culpada de BH. No mesmo ano interpretou um de seu personagens mais importantes, a periguete Suelen da telenovela Avenida Brasil, de João Emanuel Carneiro. O papel lhe rendeu vários prêmios e fez sucesso entre o público.

Em 2013, protagonizou a minissérie O Canto da Sereia, interpretando uma cantora de axé music. Ísis chegou a cantar algumas músicas para incorporar a personagem. No mesmo ano, estreou o longa-metragem Faroeste Caboclo, baseado na música da banda Legião Urbana, em que interpreta a protagonista Maria Lúcia.

Em 2014, esteve no ar em mais uma minissérie, Amores Roubados, onde interpretou Antônia, uma jovem burguesa que se envolve com um sedutor.

Filmografia

2018 :: Simonal
2017 :: Malasartes e o Duelo com a Morte
2017 :: Simonal
2017 :: Amor.com
2013 :: Faroeste Caboclo
2013 :: Turbo
2007 :: Ré Bemol

Bibliografia

Livros:

Internet:

HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Ísis Valverde. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/isis-valverde/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

4 comentários sobre “Ísis Valverde

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.