fbpx

Joaquim Eufrasino

Biografia

Joaquim Eufrasino Neto, em arte mais conhecido como Joaquim Eufrasino, é um diretor de fotografia brasileiro nascido em Guaraciaba do Norte (CE), em 1957. É conhecido no meio cinematográfico como Babá.

Chegou ao Rio de Janeiro em 1971, com 14 anos. Trabalhou como balconista de uma pensão até conseguir um emprego na Zoom Cinematográfica, em 1974, na área de produção, participando de vários filmes como A Queda, de Ruy Guerra, Se Segura, Malandro, de Hugo Carvana, e Um Homem Célebre, de Miguel Farias.

Entrou na Embrafilme em 1978, especialiando-se em table-top, sendo um dos fundadores do primeiro núcleo de animação brasileiro, com filmes premiados em diversos festivais.

Em 1985, com a criação do CTAv, transfere-se para a nova empresa.

Seu primeiro filme como diretor de fotografia é o curta de animação Estrela de Oito Pontas (1996), direção de Fernando Diniz e Marcos Magalhães.

Babá acompanha o desenvolvimento do cinema brasileiro nos últimos 20 anos. Hoje participa de todas as produções de animação ligadas ao CTAv.

Filmografia

Filmografia: 1996- Estrela de Oito Pontas (cofot. Marcelo Marcilac); Uma Casa Muito Engraçada (CM); Voo da Imaginação (CM); 1997- Pai Francisco Entrou na Roda (cofot. Sérgio Arena, Ana Rita Nemer e Marcelo Marcilac); 1998- Castelos de Vento (CM) (cofot. Sérgio Arena e Ana Rita Nemer); O Nordestino e o Toque de Sua Lamparina (cofot. Telmo Carvalho); Retratos de Borboleta (cofot. Silas Siqueira e Dizo Dal Mor); 2000- Chifre de Camaleão (CM) (cofot. Sérgio Arena); 2002- Em Busca da Cor (CM); 2003- Engolervilha (CM); Vrruummm!!! (CM); 2004- O Arroz Nunca Acaba (CM); 2008- Djin.

Bibliografia

Livros:

SILVA NETO, Antônio Leão da. Dicionário de Fotógrafos do Cinema Brasileiro. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2011.

Internet:

HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/joaquim-eufrasino/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.