fbpx

Laura Cardoso

Biografia

Laurinda de Jesus Cardoso Balleroni, em arte mais conhecidda como Laura Cardoso, é uma atriz de cinema, teatro e televisão brasileira nascida em São Paulo (SP) no dia 13 de setembro de 1927. É considerada uma das melhores atrizes do Brasil. É filha, neta e bisneta de portugueses.

Em 1946, ainda menina, faz um teste na Rádio Tupi e no dia seguinte estreia um programa infantil.

Pioneira da televisão no Brasil, Laura Cardoso Em 1950, inaugurou a TV Tupi e passa a fazer teleteatros ao vivo como TV de Vanguarda (1956-1959), TV de Comédia (1957-1959) e TV Teatro (1958). Atuando em teleteatros, séries e novelas desde a década de 1950 na extinta TV Tupi, estreou em 1952 com Tribunal do Coração, e posteriormente em várias emissoras.

Sua primeira novela foi Quando o Amor é mais Forte, contracenando com o então casal da moda, Fábio Cardoso e Guy Loup. Seguiu então uma longa e sólida carreira, Algemas de Ouro (1969), Ídolo de Pano (1974) e Gaivotas (1979). Sempre foi uma das grandes atrizes da extinta TV Tupi. Com a falência da emissora, em 1980, transferiu-se para a TV Globo, onde estreou em Brilhante.

No cinema, seu primeiro filme foi O Homem das Encrencas (Imitando o Sol) (1964). Entre outros, atuou também em Corisco, o Diabo Loiro (1969) e Terra Estrangeira (1995).

Da década de 1980 em diante, é redescoberta na televisão, e faz personagens marcantes como a Sinhana, no remake de Irmãos Coragem (1995); a velha cigana Soraya, em Explode Coração (1996); a tia Ruth, de Salsa & Merengue (1997); a Deolinda, de Vila Madalena (1999); a Francisquinha, de Como uma Onda (2004); a Abigail, de O Profeta (2006); a Sebastiana, de Desejo Proibido (2007); Alice, de Duas Caras (2008); e Laksmi Ananda, de Caminho das Índias (2009).

No teatro, que reputa como sua paixão, participou de peças importantes como Vem Buscar-me que Ainda Sou Teu e Vereda da Salvação.

Em 2004, ganhou o Grande Prêmio Cinema Brasil como Melhor Atriz por sua atuação no filme O Outro Lado da Rua.

É uma das grandes atrizes brasileiras, sendo também umas das atrizes que mais atuou na TV com mais de 75 trabalhos no currículo, incluindo mais de 50 novelas. Também fez mais de 28 longas-metragens para o cinema. Em 2002, ganhou o Troféu Mário Lago pelo conjunto de sua obra na televisão.

Foi casada por 31 anos, de 1949 a 1980, com o ator, roteirista, diretor e produtor de televisão Fernando Baleroni, que conhecera na Rádio Tupi, com quem teve duas filhas, Fátima e Fernanda.

Em novembro de 2006, ela recebeu do presidente Luiz Inácio Lula da Silva a Ordem do Mérito Cultural, concedida a personalidades e instituições que se destacam por sua contribuição à cultura brasileira.

Filmografia

2020 :: De Perto Ela Não é Normal
2016 :: Barbante
2015 :: De onde eu te vejo …. Yolanda
2014 :: Syndrome – O Filme …. Marta
2014 :: Encantados
2010 :: Amazônia Caruana …. Avó Pocaru
2010 :: Chico Xavier, O Filme
2010 :: Muita calma nessa hora …. Abuelita
2008 :: Casa da Mãe Joana …. Dona Herly
2007 :: Clarita
2007 :: Primo Basílio …. Tia Vitoria
2007 :: Clarita …. Clarita
2006 :: Fica Comigo Esta Noite …. Mariana
2006 :: Matinta Perera …. Narradora
2006 :: Muita Alegria e 40 Graus de Calor
2006 :: Muito Gelo e Dois Dedos d’Água …. Avó Judite
2004 :: O Outro Lado da Rua …. Patolina
2004 :: Amigo Secreto (CM) …. Dona Olga
2002 :: Morte (CM)
2002 :: No Bar (CM)
2001 :: Copacabana …. Salma
2000 :: Através da janela …. Selma
1998 :: Uma Aventura do Zico …. Dona Maria
1995 :: Terra Estrangeira …. Manuela
1989 :: Lua Cheia …. Mãe de Montês
1988 :: Adultério (CM)
1987 :: Quincas Borba
1982 :: Carícias eróticas: um Casal de Três …. Shirley
1980 :: Ariella …. Helena, a mãe
1977 :: Tiradentes, O Mártir da Independência …. Vice-Rainha
1976 :: Já não Se Faz Amor como Antigamente (Episódio: O Noivo)
1969 :: Corisco, o Diabo Loiro …. Tia de Corisco
1965 :: Quatro Brasileiros em Paris …. Nicole
1964 :: O Homem das Encrencas (Imitando o Sol) …. Lídia
1963 :: O Rei Pelé

Prêmios

2006 :: Ordem do Mérito Cultural
2002 :: Troféu Mário Lago pelo conjunto de sua obra na televisão

Bibliografia

Fontes de Referência

Livros:

ALVES, Vida. Televisão Brasileira: o Primeiro Beijo e Outras Curiosidades. São Paulo: Editora In House, 2014.
LAKS, Júlia. Laura Cardoso: contadora de histórias. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, .
MATTOS, Raymundo Lessa de. A TV antes do VT: Teleteatro Ao Vivo na TV Tupi de São Paulo (1950-1960). São Paulo: Cinemateca Brasileira, 2011.
SILVA NETO, Antonio Leão da. Astros e estrelas do cinema brasileiro. 2. ed. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2010.

Internet:

FOLHA. Disponível no endereço: https://www1.folha.uol.com.br/serafina/2014/04/1445682-laura-cardoso-decreta-ator-que-nao-gosta-de-teatro-e-burro.shtml
HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Laura Cardoso. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/laura-cardoso/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Artigos Relacionados