fbpx

Lídia Mattos (1924-2013)

Biografia

Lydia da Silva Mattos, em arte conhecida como Lídia Mattos, foi uma atriz brasileira nascida no Rio de Janeiro (RJ) no dia 10 de outubro de 1924.

Começou sua carreira na Rádio Sociedade, em 1937, levada por Tia Beatriz, uma espécie de descobridora de talentos, filha do lendário Roquette Pinto. Trabalha como cantora e radioatriz, passando depois também pelas rádios Cruzeiro do Sul e Guanabara. No teatro, atua em peças como Uma Mulher Importante, de Maria Sampaio.

Estreou no cinema em 1939 no filme Aves sem Ninho. Entre outros, atuou também em Argila (1940), O Coronel e o Lobisomem (1979) e mais recentemente em Eu não Conhecia Tururu (2000), primeiro filme dirigido por Florinda Bolkan.

Fez carreira paralela importante também na televisão, a partir da década de 1970, atuando em novelas, sendo sua estreia em 1970 em Assim na Terra como no Céu. Entre tantas outras, seguem-se Selva de Pedra (1972), O Bem-Amado (1973), Brilhante (1980) e A Próxima Vítima (1995), a última novela, mas ainda participou dos programas Quem é Você (1996), Você Decide (1998/2000) e Os Normais (2001).

Foi casada com o radialista e ator Urbano Lóes, com quem tem dois filhos, Dilma Lóes, atriz e diretora, e Luiz Carlos Lóes, escritor. Sua neta, Vanessa Lóes (1971), filha de Dilma também é atriz.

A atriz Lídia Mattos, aos 88 anos, no dia 22 de janeiro de 2013, no Rio de Janeiro.

Filmografia

1939 – Aves sem Ninho
1940 – Argila; Pega Ladrão
1942 – O Despertar da Redentora (MM)
1943 – O Segredo das Asas
1944 – Gente Honesta
1955 – Mãos Sangrentas (Manos Sangrientas) (Brasil/Argentina)
1955 :: O Diamante
1971 – Quando as Mulheres Paqueram
1972 :: Como é Boa a Nossa Empregada (Episódio: Lula e a Copeira)
1973 – Essa Gostosa Brincadeira a Dois
1976 – O Seminarista
1976 :: O Pai do Povo
1976 :: Tangarela, a Tanga de Cristal
1977 – Os Sensuais
1979 – O Coronel e o Lobisomem
1987 – A Menina do Lado
1988 – Dedé Mamata
2000 – Eu Não Conhecia Tururu

Bibliografia

Livros:

SILVA NETO, Antonio Leão da. Astros e estrelas do cinema brasileiro. 2. ed. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2010.

Internet:

HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Lídia Mattos. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/lidia-mattos/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Artigos Relacionados

2 comentários sobre “Lídia Mattos (1924-2013)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.