fbpx

LIVRO – Utopia da Autossustentabilidade: impasses, desafios e conquistas da Ancine

O cinema e o audiovisual brasileiros se desenvolveram muito nos últimos anos, e um dos principais fatores que impulsionaram essa trajetória reside na atuação da Agência Nacional do Cinema (Ancine). Em setembro de 2021, a Ancine completará 20 anos como o principal órgão responsável pelas políticas públicas para o audiovisual brasileiro.

Nesta publicação, Marcelo Ikeda, com sua experiência como pesquisador e ex-servidor da agência, passa em revista toda a trajetória da Ancine, desde os antecedentes de sua criação até os impasses do governo Bolsonaro. Além de apresentar as características da agência em termos das políticas desenvolvidas e de seus impactos no mercado audiovisual brasileiro, o livro analisa os embates e os conflitos de poder que marcaram sua história. Em jogo, está a autonomia da Ancine como agência reguladora para implementar suas políticas, resistindo às tendências de captura seja pelo mercado seja pelo governo.

O objetivo desta publicação é promover uma ampla reflexão sobre o papel da Agência Nacional do Cinema (Ancine) no desenvolvimento do mercado audiovisual brasileiro em seus vinte anos de atuação. Este livro foi escrito com uma proposta mais aberta de diálogo com o leitor, evitando pormenores demasiado técnicos ou um estilo tipicamente acadêmico. O desafio do texto foi buscar uma linguagem dinâmica, sem perder o rigor e a profundidade da análise.

Dados Técnicas

Título: Utopia da Autossustentabilidade: impasses, desafios e conquistas da Ancine
Autor: Marcelo Ikeda
Editora: Editora Sulina
Ano da Edição: 2021
Encadernação: Brochura | 16 cm x 1,5 cm x 23 cm | 246 páginas
ISBN: 978-6557590416

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.