fbpx

Maíra Bühler

Biografia

Maíra Bühler é uma cineasta e roteirista brasileira. Formou-se em Ciências Sociais pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (USP) em 2002. É mestre em Antropologia Social na área visual pela mesma instituição.

Foi assistente de roteiro em O Ano em que Meus Pais Saíram de Férias (2006), de Cao Hamburger.

Maíra Bühler codirigiu os documentários A Aranha Vive Daquilo que Tece (2001), Elevado 3.5, vencedor do festival É Tudo Verdade 2007, e, com Matias Mariani, de Exterior, vencedor do DOCTV da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa.

Em 2019, lançou seu primeiro longa-metragem na direção solo, Diz a Ela Que Me Viu Chorar.

Filmografia

2019 :: Diz a Ela Que Me Viu Chorar
2014 :: A Vida privada dos Hipopótamos (codir. Matias Mariani)
2011 :: Ela Sonhou que eu Morri (codir. Matias Mariani)
2007 :: Elevado 3.5 (codir. João Sodré e Paulo Pastorelo)
2001 :: A Aranha Vive Daquilo que Tece

Bibliografia

Livros:

Internet:

CINEFESTIVAIS. ‘É uma escolha pelas pessoas, não pelo rótulo’: uma conversa com Maíra Bühler. Disponível no endereço: http://cinefestivais.com.br/maira-buhler-fala-sobre-diz-a-ela-que-me-viu-chorar/
HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Maíra Bühler. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/maira-buhler/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.