fbpx

Marco Bottino

Biografia

Marco Bottino é um diretor de fotografia. Iniciou sua carreira como assistente de fotografia em Os Monstros de Babaloo (1970), de Elyseu Visconti e do documentário curto Volpi (1971), de Olívio Tavares de Araújo.

Estreia como diretor de fotografia em 1972 no curta O Caminho para Si Mesmo, de Raimundo Carvalho Bandeira de Mello. Seu primeiro longa é Amor, Carnaval e Sonhos (1972), direção de Paulo Cesar Saraceni, profissional a quem se liga em alguns filmes seguintes como Anchieta, José do Brasil (1977) e Ao Sul do meu Corpo (1981).

Seu último filme registrado é Abrasasas (1984), de Reinaldo Volpato, em que cofotografa com Nilson Villas-Boas.

Algumas fontes anunciam sua morre em 2004, porém sem nossa confirmação.

Filmografia

1972-O Caminho para si Mesmo (CM); Iberê Camargo – Pintor Brasileiro (CM); Amor, Carnaval e Sonhos
1973-Encontro das Águas (CM)
1974-O Forte (cofot. Julio Romiti)
1977-Anchieta, José do Brasil
1982-Ao Sul do meu Corpo (cofot. Aluizio Raulino)
1984-Abrasasas (cofot. Nilson Villas-Boas)

Bibliografia

Livros:

SILVA NETO, Antônio Leão da. Dicionário de Fotógrafos do Cinema Brasileiro. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2011.

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.