fbpx

Mariana Lima

Mariana Lima é uma atriz brasileira nascida em São Paulo (SP) no dia 17 de setembro de 1972.

Filha de publicitários, pisou ao palco pela primeira vez aos dezesseis anos. Viajou o Brasil e a América Latina com um grupo comunitário. Em seguida, mudou-se para Nova York para estudar no famoso curso de Lee Strasberg, trabalhando como faxineira e garçonete para se manter.

De volta ao Brasil, integrou o grupo de José Celso Martinez Corrêa e participou da peça Livro de Jó, realizada em um hospital fechado. Atuou também na peça Futebol, de Bia Lessa. Mariana Lima fez parte do grupo Teatro da Vertigem. Atuou na peça Tio Vânia (1998), ao lado de Renato Borghi.

Nas telonas do cinema estreou em 1994 no filme Sábado. No cinema, interpretou a irmã de Luís Carlos Prestes no filme Olga (2004).

Estreou na televisão em 1996, na novela O Rei do Gado, como Liliana, depois atuou em Serras Azuis (1998), Desejos de Mulher (2002), Pé na Jaca (2006), entre outras.

Casou-se com o ator e diretor Enrique Díaz, com quem tem duas filhas: Elena (2004) e Antônia.

Filmografia

2017 :: O Banquete
2016 :: A Serpente
2016 :: Amor em Sampa
2012 :: A Busca …. Branca
2011 :: Sudoeste
2011 :: Rânia …. Estela
2010 :: Eu e Meu Guarda-Chuva …. Mãe de Eugênio
2010 :: A Alegria
2010 :: Amor? …. Cláudia
2010 :: A Suprema Felicidade …. Sofia
2009 :: Rua dos Bobos
2006 :: Árido Movie …. Vera
2004 :: Bendito Fruto …. Fernanda/Luciana
2004 :: Olga …. Lígia Prestes
2002 :: Lara …. Dora
2002 :: O Afogado (CM)
1999 :: Oriki (CM)
1998 :: Kenoma …. Tira
1995 :: Caligrama (CM)
1995 :: Sábado

Bibliografia

Livros:

SILVA NETO, Antonio Leão da. Astros e estrelas do cinema brasileiro. 2. ed. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2010.

Internet:

HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Mariana Lima. Disponível no endereço: https://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/mariana-lima/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]