fbpx

Não aperta, Aparício (1970)

Sinopse

O coronel Amaro Silva, criador de gado, é proprietário de uma vasta fazenda no interior da cidade gaúcha de Dom Pedrito. Seu filho Aparício é o capataz da fazenda, tendo como seu auxiliar o negrinho Tonico, afilhado do Coronel.

Certo dia, surge ali um novo vizinho: Dr. Azevedo, que acaba de comprar vastas terras. Com ele vem sua filha Aurora. Um dia, ela e Aparício encontram-se nas terras deste e iniciam um romance. Mas quando o gado da fazenda do Dr. Azevedo é roubado, Aparício é acusado pelo crime em virtude das pistas falsas deixadas pelos ladrões, e precisará provar sua inocência.

Elenco

José Mendes …. Aparício
Grande Otelo …. Tonico
José Lewgoy …. Canhoto
Adolar Costa
Alexandra Maria Aurora

Ficha Técnica

Direção: Pereira Dias

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Um comentário em “Não aperta, Aparício (1970)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.