fbpx

O Auto da Boa Mentira (2021)

Dizem que mentira tem perna curta. Se isso é verdade, a bichinha corre rápido, viu! Em quatro histórias inspiradas em contos bem humorados de Ariano Suassuna, cada uma criada a partir de frases do poeta paraibano, conhecemos Helder (Leandro Hassum), Fabiano (Renato Góes), Pierce (Chris Mason) e Lorena (Cacá Ottoni), vivendo diferentes situações onde, ironicamente, a mentira é sempre a protagonista.

Baseado nos contos de Ariano Suassuna, o longa trará quatro histórias criadas a partir de frases clássicas do poeta paraibano, radicado no Recife. Com roteiro de João Falcão, Tatiana Maciel e Célio Porto, o filme é uma coprodução da Cine Group com a Globo Filmes e tem sua estreia nos cinemas prevista para abril de 2021.

A primeira história mostra o subgerente de RH Helder (Leandro Hassum), um zé ninguém que é confundido com um comediante de sucesso e passa a gostar do mal-entendido. Mas um encontro inesperado com Caetana (Nanda Costa) pode fazê-lo mudar de opinião.

Em seguida, conhecemos Fabiano (Renato Góes), um jovem que não acredita em nada, mas fica intrigado quando ouve um mistério circense envolvendo sua mãe (Cássia Kiss) e seu pai, morto há anos. Ele precisa da ajuda do palhaço Romeu (Jackson Antunes) e de ter cuidado para não ser feito de palhaço.

O terceiro conto se passa nas areias do Rio de Janeiro e bares do Vidigal, onde Pierce (Chris Mason, de Pretty Little Liars) é um gringo metido a carioca. Ele inventa que foi assaltado depois de faltar ao aniversário de Zeca (Sérjão Loroza), mas não imagina que a mentira pode chegar ao chefe do tráfico (Jesuíta Barbosa). A última história brinca com uma frase de Suassuna sobre o preconceito sofrido por quem nunca foi à Disney. Nela, a estagiária Lorena (Cacá Ottoni) se sente invisível na empresa de publicidade de Norberto (Luis Miranda), e sonha com o pseudointelectual Felipe (Johnny Massaro).

O Ariano Suassuna tinha uma fascinação por mentirosos, não os que mentiam para prejudicar os outros, mas porque isso mostrava a capacidade de invenção do povo brasileiro diante de adversidades. O filme fala muito sobre os tempos atuais. Um comentário irônico sobre a cultura da mentira na sociedade brasileira, afirma o diretor José Eduardo Belmonte, que se inspirou em filmes como Relatos Selvagens e longas italianos e franceses dos anos 60 e 70.

O elenco conta também com Rocco Pitanga, Giselle Batista, Michelle Batista (“O Negócio), Bruno Bebianno (“Minha Mãe É Uma Peça”), Leo Bahia (“Chacrinha: O Velho Guerreiro”), Letícia Novaes/Letrux (“Qualquer Gato Vira-Lata 2”), Letícia Isnard (“Carlinhos e Carlão”), Karina Ramil (“Porta dos Fundos”), entre outros. Guel Arraes assina a produção associada e Fatima Pereira, Luciana Pires, Mônica Monteiro e Rômulo Marinho, a produção executiva. O Auto da Boa Mentira tem distribuição da Imagem Filmes.

Fama

Leandro Hassum …. Helder
Rocco Pitanga …. Lúcio
Nanda Costa …. Caetana
Giselle Batista …. Wheydja
Michelle Batista …. Whemitta
Mariana Bassoul …. Recepcionista
Arilson Lucas …. Assistente de Palco
Erlene Melo …. Alguém no Hotel
Paulo Roque …. Outro Alguém no Hotel
David Felix …. Bartender
Rafael Ritto …. Fã Hotel
Mariana Ruggiero …. Hostess Bar
Bruce Brandão …. Hugo
Raul Franco …. Mais Outro Fã
Alê Marinho: Segurança dos Computadores
Lais Carvalho …. Uma Fã no Hotel
Zévitor Antunes …. Outro Fã no Hotel

Vidente

Renato Góes …. Fabiano
Matheus Dantas …. Fabiano Criança
Cássia Kiss …. Luzia
Jackson Antunes …. Palhaço Romeu
Romulo Marinho …. Homem Mau
Carlos Gregório …. Profeta
Flávia Prosdocimi …. Luzia Jovem
Andrely …. Mágico

Furão

Chris Mason …. Pierce
Sérjão Loroza …. Zeca
Jesuita Barbosa …. Chefia
Marcelo Magano …. Pirrainha
Duda Senna …. Filha do Chefia
Bruno Bebiano …. Sueco
Vanessa Rocha …. Mulher da Comunidade

Disney

Cacá Ottoni …. Lorena
Luis Miranda …. Norberto
Johnny Massaro …. Felipe Porto
Leo Bahia …. Estagiário Matheus
Letícia Novaes …. Josi
Letícia Isnard …. Liliana
Karina Ramil …. Mariana
Rodrigo Garcia …. Pedro Vargas
Silvio Guindane …. Wagner Mello
Juliana Poggi …. Professora de Lorena

Por trás dos filmes, além dos atores, dos figurinos, das câmeras, da arte, do som e de outros elementos mais facilmente perceptíveis na construção qualquer longa metragem, há também um verdadeiro exército de profissionais dedicados a viabilizar cada detalhe do intrincado quebra-cabeça artístico, operacional, logístico e financeiro da produção audiovisual.

Veja logo abaixo a equipe técnica de O Auto da Boa Mentira (2021) que o portal História do Cinema Brasileiro pesquisou e agora disponibiliza aqui para você:

Direção: José Eduardo Belmonte
Roteiro: João Falcão, Tatiana Maciel e Célio Porto
Assistente de Direção: Julia Moraes
Produção Executiva Cine Group: Fatima Pereira, Luciana Pires e Mônica Monteiro
Produção Executiva: Rômulo Marinho
Produtor Associado: Guel Arraes
Direção de Fotografia: Kika Cunha
Direção de Arte: Daniel Flaksman
Figurino: Ana Avelar
Maquiagem: Uirandê Holanda
Montagem: Quito Ribeiro e ZéPedro Gollo
Edição de Som: Ricardo Cuts
Mixagem: Ricardo Cuts
Empresa Produtora: Cine Group
Coprodução: Globo Filmes
Distribuição: Imagem Filmes

Brasil | Comédia | cor | min. | 2021 |

Classificação indicativa: 12 anos

Livros:

Internet:

HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. O Auto da Boa Mentira. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br//

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]