fbpx

Organismo (2017)

Um homem recém-lesionado que está aprendendo a lidar com a condição de cadeirante entra em crise existencial após o falecimento de sua mãe, evento que o lança em uma espiral de memórias de infância, de relacionamentos passados e principalmente das percepções sobre seu corpo antes e depois do acidente.

Filme escrito e dirigido por Jeorge Pereira.

Rômulo Braga …. Diego
Arthur Canavarro …. Valter
Bianca Joy Porte …. Helena
Ikaro Kadoshi …. Deus
Guilherme Magnata …. Diego jovem
Maycon Douglas

Por trás dos filmes, além dos atores, dos figurinos, das câmeras, da arte, do som e de outros elementos mais facilmente perceptíveis na construção qualquer longa metragem, há também um verdadeiro exército de profissionais dedicados a viabilizar cada detalhe do intrincado quebra-cabeça artístico, operacional, logístico e financeiro da produção audiovisual.

Veja logo abaixo a equipe técnica de Organismo (2017) que o portal História do Cinema Brasileiro pesquisou e agora disponibiliza aqui para você:

Direção: Jeorge Pereira
Roteiro: Jeorge Pereira
Story Editor: Leo Falcão
Produção: Mariana Jacob e Fernanda Cordel
Diretor de fotografia: Breno Cesar e Marcelo Lordello
Montagem: Bia Baggio
Empresa Produtora: Inquieta Cinema Cultura e Comunicação
Distribuição: Inquieta Cine

Brasil | Drama | cor | 97 min. | Digital | 2017 | PE

Classificação Indicativa: 12 anos

Livros:

Internet:

41ª MOSTRA INTERNACIONAL DE CINEMA DE SÃO PAULO. Organismo. Disponível no endereço: http://41.mostra.org/br/filme/9208
HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Organismo. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/organismo/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

4 comentários sobre “Organismo (2017)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.