fbpx

Ouvir o Rio: uma escultura sonora de Cildo Meireles

Sinopse

FOTO Ouvir o RioOuvir o rio: uma escultura sonora de Cildo Meireles é a primeira experiência no cinema documental da diretora Marcela Lordy. O filme destrincha a obra rio oir de Cildo a partir do registro de todos os processos pelos quais o artista visual passou em expedição pelo Brasil, buscando o som das bacias de rios e nas águas processadas pelo homem, depois em estúdio de som, juntando as imagens e sons capturados e combinados à cacofonia das águas residuais e às gargalhadas humanas. O título rio oir é um palíndromo, em um jogo de palavras que faz referência ao fluxo da água, à audição, e à risada.

Direção: Marcela Lordy

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.