fbpx

Palace II (2001)

Sinopse

Curta-metragem de 2001 produzido pela Globo Filmes e O2 Filmes, codirigido por Fernando Meirelles e Kátia Lund. Foi uma espécie de laboratório para a equipe de produção e os atores não-profissionais que trabalharam no filme Cidade de Deus, os possibilitando dimensionar diversas áreas da produção com o que trabalhariam e como executariam o projeto. Inicialmente, foi gravado em forma de episódio para a série de televisão Brava Gente da Rede Globo.

O curta conta a história de dois meninos de uma favela carioca que aplicam um golpe ao instalar um portão na casa de uma mulher, e enfrentam problemas com os traficantes de drogas que dominam o morro. Em fevereiro de 2002, foi premiado na Mostra Paronama, do Festival de Berlim. Na justificativa do prêmio, os jurados destacaram o roteiro forte, o desempenho excelente dos dois jovens protagonistas, o excepcional trabalho de câmera e a trilha sonora contagiante. O filme de Meirelles também já tinha sido premiado no Festival de Brasília, em novembro de 2001.

Quando estava se preparando para os estágios iniciais das filmagens de Cidade de Deus, Fernando Meirelles recebeu uma proposta de Guel Arraes — diretor de núcleo da Rede Globo —, para dirigir um dos episódios da série Brava Gente. De imediato, Meirelles recusa o convite, porém, depois de repensar, aceita com a condição de que pudesse desenvolver na série uma história ligada a uma das fragmentações de pequenas histórias que há no livro e o uso dos jovens de sua oficina de atores. Arraes assentiu e Meirelles e Kátia Lund dirigiram juntos o episódio Palace II que serviu como uma espécie de ensaio para o filme. O episódio foi filmado na própria comunidade de Cidade de Deus (RJ) e acabou se tornando um curta-metragem apresentado e premiado em Berlim.

Palace II resultou em aprendizados que favoreceram a equipe como um laboratório de testes para Cidade de Deus. Em primeira instancia, Meirelles concluiu que não poderia filmar na própria Cidade de Deus. Na época, a comunidade estava em grandes conflitos e dividida em três áreas, cada uma comandada por um traficante diferente. A gente percebeu que era uma coisa muito instável, nunca estava falando com a pessoa certa, contou Meirelles à Revista Trip que acabou em busca de outras locações.

Ainda em 2002, o curta deu origem a série Cidade dos Homens, que por sua vez gerou o filme de mesmo nome, lançado em 2007.

Elenco

Darlan Cunha
Douglas Silva

Ficha Técnica

Por trás dos filmes, além dos atores, dos figurinos, das câmeras, da arte, do som e de outros elementos mais facilmente perceptíveis na construção qualquer longa metragem, há também um verdadeiro exército de profissionais dedicados a viabilizar cada detalhe do intrincado quebra-cabeça artístico, operacional, logístico e financeiro da produção audiovisual.

Veja logo abaixo a equipe técnica de Palace II (2001) que o portal História do Cinema Brasileiro pesquisou e agora disponibiliza aqui para você:

Direção: Kátia Lund e Fernando Meirelles
Roteiro: Bráulio Mantovani
Autor: Paulo Lins
Produção: Elisa Tolomelli
Fotografia: César Charlone
Direção de Arte: Tulé Peake
Som Direto: Heron Alencar, Miriam Biderman e Ricardo Reis
Montagem: Sergio Mekler

Duração: 15 min.
Ano: 2001
Formato: 35mm
País: Brasil
Local de Produção: RJ
Cor: Colorido

Bibliografia

Livros:

Internet:

E-PIPOCA. Curta brasileiro ‘Palace II’ é premiado em Festival de Berlim. 18 de fevereiro de 2002. Consultado em 30 de janeiro de 2016.
ESTADÃO. Cidade dos Homens.
FOLHA. Diretor adapta ‘Cidade de Deus’, de Paulo Lins. 23 de jan de 2001. Consultado em 9 de janeiro de 2016.
FOLHA DE S.PAULO. ‘Cidade dos Homens’ aumenta em 16% a audiência da Globo no horário.
FOLHA ONLINE. Filme é retrato fiel da guerra do tráfico em núcleo habitacional carioca. 2002. Consultado em 9 de janeiro de 2016.
HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Palace II. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/palace-ii/
PORTA CURTAS. Palace II. Disponível no endereço: http://portacurtas.org.br/filme/?name=palace_ii
REVISTA TRIP. Um olhar criativo para a diversidade. (S.l.): Trip Editora e Propaganda S/A, 2002. p. 112.
TERRA NETWORKS. Curta brasileiro é premiado no Festival de Berlim. 18 de fevereiro de 2002. Consultado em 20 de janeiro de 2016.

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Um comentário em “Palace II (2001)

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.