fbpx

Papai é Pop (Em Produção)

Tom (Lázaro Ramos) vê sua vida mudar ao se tornar pai que ao lado da esposa Elisa (Paolla Oliveira) precisa aprender na prática como cuidar de sua filha Laura (Malu Aloise), e em meio a situações adversas da vida cotidiana, apresenta um desenvolvimento interior conflituoso de como a sociedade enxerga um pai presente.

Produzido por Beto Gauss e Francesco Civita, com roteiro de Ricardo Hofstetter, Papai é Pop é dirigido por Caito Ortiz. A produção é da Prodigo Films com coprodução Galeria Distribuidora e o Grupo Telefilms. A Galeria Distribuidora é a responsável pela distribuição.

Elenco

Lázaro Ramos
Paolla Oliveira
Elisa Lucinda
Leandro Ramos
Dadá Coelho

Ficha Técnica

Por trás dos filmes, além dos atores, dos figurinos, das câmeras, da arte, do som e de outros elementos mais facilmente perceptíveis na construção qualquer longa metragem, há também um verdadeiro exército de profissionais dedicados a viabilizar cada detalhe do intrincado quebra-cabeça artístico, operacional, logístico e financeiro da produção audiovisual.

Veja logo abaixo a equipe técnica de Papai é Pop que o portal História do Cinema Brasileiro pesquisou e agora disponibiliza aqui para você:

Direção: Caito Ortiz
Roteiro: Ricardo Hofstetter
Produção: Beto Gauss e Francesco Civita
Empresa Produtora: Prodigo Films
Distribuidora: Galeria Distribuidora

Brasil | Comédia | cor | min. |

Bibliografia

Livros:

PIANGERS, Marcos. Papai é Pop. : , .

Internet:

HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Papai é Pop. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/papai-e-pop/
VOMERO, Renata. Filmagens de ‘Papai é Pop’ começam agora em janeiro. Disponível no endereço: https://www.exibidor.com.br/noticias/industria/10990-filmagens-de-quotpapai-e-popquot-comecam-agora-em-janeiro. Acesso em: 06 de jan. de 2021.

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.