fbpx

Pedro Osmar, prá Liberdade que se Conquista (2016)

Trailer

Sinopse

Um manifesto poético-político-musical sobre o multiartista paraibano Pedro Osmar na luta pela liberdade que se conquista.

Pedro Osmar é um grande artista paraibano, apesar de pouco conhecido pelo Brasil. Além de suas músicas ja terem sido gravadas por nomes como Elba Ramalho, Lenine, Zé Ramalho e Zeca Baleiro, esse nordestino talentoso já escreveu muitos textos que foram montados para o teatro. O músico, poeta e artista plástico iniciou sua carreira em 1970, nos festivais de MPB de João Pessoa, e, desde então, segue encantando muitas pessoas.

Elenco

Pedro Osmar

Ficha Técnica

Por trás dos filmes, além dos atores, dos figurinos, das câmeras, da arte, do som e de outros elementos mais facilmente perceptíveis na construção qualquer longa metragem, há também um verdadeiro exército de profissionais dedicados a viabilizar cada detalhe do intrincado quebra-cabeça artístico, operacional, logístico e financeiro da produção audiovisual.

Veja logo abaixo a equipe técnica de Pedro Osmar, prá Liberdade que se Conquista (2016) que o portal História do Cinema Brasileiro pesquisou e agora disponibiliza aqui para você:

Direção: Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marques
Produção-executiva: Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marques
Direção de produção: Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marques
Fotografia e câmera: Rodrigo T. Marques
Som direto: Eduardo Consonni
Montagem: Eduardo Consonni e Rodrigo T. Marques
Direção musical: Pedro Osmar
Produção musical: Guegué Medeiros e Marcos Alma
Edição de som e mixagem de som: Edson Secco
Correção de cor: Henrique Reganatti
Supervisor de pós-produção: Giba Yamashiro
Pós-produção: Zumbi Post
Direção de arte: Henrique Martins
Produção de animação: Daniel Greco
Animação: Felipe Frazão
Trilha sonora: Pedro Osmar – Jaguaribe Carne
Fotografia e câmera adicional: Pedro Osmar
Assistência de fotografia 35 mm: Bruno Salles
Produção Paraíba: Guegué Medeiros e Bruno Salles
Coprodução: Nheengatu Criações Sonoras | Lamparina Rosa

Apoio: Rumos Itaú Cultural

Apoio cultural:
Núcleo de Documentação Cinematográfica (Nudoc)
Universidade Federal da Paraíba (UFPB)
Cinema Paraibano: Memória e Preservação – Petrobras/MinC – Funape/PB
Laboratório de Antropologia Visual – Arandu
Dcine Cinematografia Digital

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.