fbpx

Peter Overbeck (1927-2015)

Biografia

FOTO Peter OverbeckPeter Overbeck foi um cineasta, diretor de fotografia e produtor alemão nascido em Duisburg, na Alemanha, em 1927. Estudou por cinco anos na Escola de Belas Artes de Colônia e Manheim.

Alemão que trabalhou em diversas produções brasileiras, Peter Overbeck nasceu membro de família judia e que foi perseguido por nazistas. Migrou para a América Latina, onde viveu no Chile e no Brasil, onde, a partir da década de 1950, dedicou-se ao seu cinema.

Chegou ao Brasil em 1952. Começou sua carreira como cenógrafo. Foi pintor, cenógrafo e cameraman antes de se tornar diretor de fotografia.

Foi cenógrafo em diversos filmes como O Segredo da Serra Dourada (1958), de Pino Belli; Ravina (1959), de Rubem Biáfora; Sexo e Vida (1959), de Henrique Meyer; Yális, a Flor Selvagem (1959), de Francesco de Robertis e Leonardo Salmieri; Policia Feminina (1960), um curto documentário de Ozualdo Candeias; Mulheres e Milhões (1961), de Jorge Ileli, etc.

Iniciou sua Carrera de fotógrafo só em 1964, no curta A Curra, curta experimental de Clemente Portela. Logo adiante, foi o responsável pela fotografia dos dois primeiros (e inovadores) filmes de Rogério Sganzerla: O Bandido da Luz Vermelha (1968) e A Mulher de Todos (1969).

Como diretor de fotografia também trabalhou em filmes como Meu Nome é Tonho (1969), de Ozualdo Candeias, e Jogo da Vida e da Morte (1972), de Mário Kuperman.

Destaca-se na sua carreira o filme Palácio dos Anjos, de Walter Hugo Khouri, que disputou o Festival de Cannes em 1970.

Peter e sua esposa, Marta Overbeck, documentaram, em 1986, a situação dos bóias-frias, na região de Piracicaba, no documentário A Classe que Sobra.

Como diretor, dirigiu documentários como Os anos passaram e A classe que sobra, que denunciavam a ditadura civil-militar brasileira. Fotografou ainda filmes como Terra para Rose (de Tetê Moraes, 1987).

Na década de 1990, Peter Overbeck migrou para a Israel onde viveu num kibutz. Como militante político, foi sempre solidário com as lutas sociais e em Israel participava de mobilizações pela paz e convivência entre Palestinos e Israelenses.

Peter Overbeck dedicou-se também ao magistério, no Curso de Cinema da USP, e ao cinema publicitário, área em que trabalhou até seu falecimento, na Espiral Filmes.

Seu último filme registrado como diretor de fotografia é o curta O Fazedor de Fitas Inacabadas, de Tony de Souza.

Faleceu em Israel no dia 28 de dezembro de 2015, aos 78 anos.

Filmografia

:: Filmografia como Diretor de Fotografia ::

1992 :: O Fazedor de Fitas Inacabadas (CM)
1988 :: Rock Paulista (CM) (cofot. Chico Botelho)
1988 :: Terra para Rose
1988 :: Na Terra Devastada (MM)
1986 :: A Classe Que Sobra (CM)
1981 :: A Primeira Conclat (CM) (cofot. Adrian Cooper)
1981 :: P.S.: Post-Scriptum
1980 :: A Invenção a Duas Vozes (CM)
1980 :: Como Nasce Um Automóvel (CM) (cofot. Walter Soares)
1980 :: Sobre a Origem da Riqueza (CM)
1979 :: Ofício de Pintor (CM) (cofot. José Zampieri)
1976 :: Dentro de Cada Sombra Cresce Un Vuelo (MM) (Chile)
1971 :: Longo Caminho da Morte
1971 :: Som Alucinante (fot.: Ronaldo Lucas, Walter Carvalho Correia e Wanderley Silva)
1970/74 :: Vozes do Medo (cofot. Hélio Silva, Geraldo Gabriel, Wanderley Silva, Marcelo Primavera e Juan Carlos Landini)
1970 :: A Fiandeira (CM)
1970 :: Guerra do Paraguay (CM)
1970 :: Palácio dos Anjos (Le Palais des Anges) (Brasil/França)
1970 :: As Gatinhas
1969 :: Meu Nome é Tonho
1969 :: A Mulher de Todos
1969 :: Piratininga 1700 (CM)
1968 :: Indústria (CM)
1968 :: Trilogia de Terror (episódio: O Acordo)
1968 :: O Bandido da Luz Vermelha
1967/1968 :: Os Anos Passaram (CM)
1967 :: Diversificação Agrícola (CM) (cofot. Juan Carlos Landini)
1967 :: Milho (CM)
1966 :: Fragmentos (CM)
1965 :: A 5ª Feira do Sr. X (CM)
1964 :: A Curra (CM)

:: Filmografia como Diretor ::

1988 :: Na Terra Devastada (MM)
1986 :: A Classe Que Sobra (CM)
1980 :: Sobre a Origem da Riqueza (CM)
1967/1968 :: Os Anos Passaram (CM)

:: Filmografia como Contra-Regra/Acessórios de Cenografia ::

1959 :: Fronteiras do Inferno (Lonesome Women) (Brasil/EUA)

Bibliografia

:: Fontes de Referência ::

Livros:

RAMOS, Fernão Pessoa; MIRANDA, Luiz Felipe (Org.). Enciclopédia do Cinema Brasileiro. São Paulo: Editora Senac, 2004.
SILVA NETO, Antonio Leão da. Dicionário de fotógrafos do cinema brasileiro. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2010.

Internet:

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Um comentário em “Peter Overbeck (1927-2015)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.