fbpx

Ponteio: Cinema fecha sem aviso prévio

O fechamento repentino ontem de duas salas de cinema do Ponteio Lar Shopping acabou reduzindo a um único ponto (Cineclube Savassi) a exibição, em Belo Horizonte, do novo filme de Silvio Tendler, Utopia e barbárie.

“Fechamos para reforma”, resumiu o Gerente Magnus, das salas de 205 e 230 lugares, respectivamente. “O motivo é o planejamento estratégico da expansão do shopping este ano”, acrescentou o Gerente de Marketing do Ponteio, Luiz Sternick, sem dar maiores detalhes sobre a reabertura ou não das salas.

“Estamos estudando a viabilidade de ocupação do espaço”, afirma Sternick,sem descartar a “impossibilidade” de ocupação do espaço das duas salas fechadas.

“Podemos substituí-las por quatro salas mais modernas, além de uma casa de espetáculos ou um teatro”, antecipou o gerente de marketing do shopping, sem no entanto fazer qualquer previsão de reabertura das salas.

Distribuído pelo próprio diretor, o documentário Utopia e barbárie estreou ontem no Cineclube Savassi, onde está em cartaz nas sessões das 14h10 e 19h. O próprio Silvio Tendler se mostrou surpreso ontem, ao telefone, com o fechamento repentino da outra sala onde o filme seria exibido.

Em funcionamento há uma década, as duas salas de cinema do Ponteio Lar Shopping chegaram a fazer sucesso entre os cinéfilos pela qualidade da programação. Nos últimos tempos, no entanto, essa mesma qualidade começou a decair na opinião de alguns, afastando público do local. Cerca de 4,5 mil pessoas circulam pelo shopping, diariamente, segundo Luiz Sternick.

Se o Ponteio não planejou o que fará comas salas, em janeiro deste ano, o Minas Shopping, na regional Nordeste, fechou suas duas únicas salas de exibição, mas, pouco tempo depois, iniciou as obras de construção de seis novas salas, com capacidade para 1,4 mil lugares, uma delas com sistema de projeção em 3D.

No site do centro comercial (www.minasshopping.com.br) está sendo anunciada para breve a inauguração dos novos espaços.

(Fonte: Jornal Estado de Minas de 01 de maio de 2010)

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.