fbpx

Por um Céu de Liberdade (1961)

Sinopse

Dramatização sobre a atuação da Força Expedicionária Brasileira na tomada de Monte Castelo, no fronte italiano, durante a Segunda Guerra Mundial.

Elenco

John Herbert
Cortese, Lia (Italiana)
Caminha, Delorges (Coronel)
Azevedo, Odilon (Major)
Luiz Mazzei …. Major
Rosa, J. (Major)
Dourado, M. (Major)
Guimarães, M. (Major)
Mata, Raul (Major)
Padilha, Paulo (Capitão)
Monterey, Hélio (Capitão)
Copacabana, Paulo (Capitão)
Santos, Enio (Capitão)
Carvalho, Paulo (Tenente)
Pogi, José Araújo (Tenente)
Guimarães, Maurício (Tenente)
Montelima, Rubens (Tenente)
Paron, Domingos (Sargento)
Ventura, Airton (Sargento)
Blecaute (Soldado Carioca)
Carvalho, Rafael de (Soldado Cearense)
Guanais, Arlindo (Soldado Baiano)
Carlos, João (Soldado Gaúcho)
Tenius, Sergio (Soldado Paulista)
Silva, Edson (Soldado Mineiro)
Vanderley, Carlos (Soldado Paranaense)
Bayer (Soldado Curitibano)
Rivas, Miguel Angelo (Soldado Fluminense)
Broun, Jonnes K. (Oficial americano)
Witski, V. (Soldado alemão)
Rudolf …. Soldado alemão
Mendes, Nazaré (Enfermeira)
Maria Gladys …. Enfermeira
Lopes, José (Médico militar)
Duda, Hélio

Atores Convidados:
Fronzi, Iolanda
Marchelli, Vicente
Napoli, Nena
Maia, Edmundo
Viviani
Andrade, Norma de
Kramer, Carla
Zeloni, Otelo (Padre)

Narração:
Kus, Maurício

Ficha Técnica

Por trás dos filmes, além dos atores, dos figurinos, das câmeras, da arte, do som e de outros elementos mais facilmente perceptíveis na construção qualquer longa metragem, há também um verdadeiro exército de profissionais dedicados a viabilizar cada detalhe do intrincado quebra-cabeça artístico, operacional, logístico e financeiro da produção audiovisual.

Veja logo abaixo a equipe técnica de Por um Céu de Liberdade (1961) que o portal História do Cinema Brasileiro pesquisou e agora disponibiliza aqui para você:

Direção: Luiz de Barros
Argumento: Daniel Rocha e Jairo Pinto de Araujo
Roteiro: Daniel Rocha e Jairo Pinto de Araujo
Produção: Paulo Sá Pinto e Francisco Verde Martinez
Assistência de direção: Vieira, Adalberto
Continuidade: Lester, Arlete
Assistência de produção: Paron, Domingos
Contabilidade: Homem, Torres
Direção de fotografia: Castro, Afrodísio
Câmera: Veras, Jorge; Riva, Angelo
Fotografia de cena: Miranda, Atila
Chefe eletricista: Silva, Jorge
Direção de som: Riva, Amadeo; Muniz, Celso Gonçalves
Montagem: Elias, Luiz
Edição: Cañizares, José
Música: Puglielli, Rafael
Companhias Produtoras: Empresa Paulista Cinematográfica Ltda. | Condor Filmes
Companhia Distribuidora: Condor Filmes

Bibliografia

Fontes utilizadas:
CB/Transcrição de letreiros-Cat
FCB/FF
CENS/I
Certificado de Censura
LB/MMC
CB/Em Memória

Fontes consultadas:
LRB/CP
ACPJ/I
ALSN/DFB-LM

Livros:

BARBOSA, Neusa. John Herbert: um Gentleman no Palco e na Vida. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2004.

Observações:
Material examinado com 2.300m.
FCB/FF e LRB/CP incluiram o nome de Eva Wilma no elenco, informando a minutagem de 89 min.
Os atores M. Guimarães e Maurício Guimarães são individualizados pelo Material Examinado.
ACPJ/I indica como produtora a Paulista Filmes; na sonografia incluiu George Montiel; cenografia de Aires Baldissara; chama o ator Viviani de Alfredo Viviani e J. Rosa de José Rosa; M. Dourado de ; Mauricio Guimarães de Mário Guimarães; Luiz Mazzi de Luiz mazzei; Carla Kramer de Karla Framer; Raul Mata de Raul da Mata.
Algumas fontes grafam os nomes de José Araújo Pogi como Jorge Araujo Pogi; de Rubens Montelima como Rubens Monte Lima; de Arlindo Guanais como Armindo Guanais; de Miguel Angelo Rivas como Miguel Angelo Ruas e de Jonnes K. Broun como James K. Brown.
ALSN/DFB-LM indicou na ficha técnica como assistente de direção Argens M. Lima; diálogos de Jairo Pinto de Araújo. No elenco acrescentou Argens Lima.

Em cartela: Os produtores deste filme confessam com a melhor das intenções, e sem qualquer sentido de vaidade, que esta películo é uma insignificante contribuição prestada ao feito glorioso das Forças Expedicionárias Brasileiras no campo de luta na Itália em que os filhos de todos os rincões do Brasil souberam, com denodo e coragem, engrandecer a pátria estremecida. Este filme, é necessário que todos saibam, foi realizado com as limitações econômicas que o mercado cinematográfico brasileiro impõe, por isso as imagens não podem exprimir tanto patriotismo e bravura na epopéia histórica que os expedicionários escreveram, a custa de tantos sacrifícios, nos campos de batalha, imortalizando-os para sempre…

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Artigos Relacionados

Um comentário em “Por um Céu de Liberdade (1961)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.