fbpx

Prego e Flores (2021)

Metáfora sobre o impacto da desenfreada exploração da mão de obra e a pressão cada vez maior das transformações das relações de trabalho levam Severino, um entregador de pizza, a repensar sobre sua condição frente a seu empregador.

Dirigido por Bernardo Sarmento e Raíssa Celina, o curta-metragem Prego e Flores foi produzido por estudantes da ABC Cursos de Cinema, escola diferenciada que conta com monitores renomados do cinema brasileiro, sob a coordenação geral de Affonso Beato, que inclusive assina a produção executiva do filme.

O roteiro, escrito por Luan São José, ilustra a loucura cotidiana a que trabalhadores – como Severino – estão expostos com os ataques aos direitos da classe trabalhadora, a gradativa fragilização das relações de trabalho imposta pela reforma trabalhista, o fenômeno da uberização com o advento dos apps, que acabam eclodindo em manifestações como a Greve dos Apps, realizada nacionalmente, em julho de 2020.

A fotografia tem a assinatura de Sofia Leão; a direção de arte é de Elisa Lyra; a montagem/edição ficou a cargo de Franco Groia; a captação e edição de som é assinada por Renan Chaves e a trilha sonora foi composta por Nando Chagas.

Todo o processo produtivo contou com a monitoria e a supervisão de nomes de peso do cinema nacional, como Affonso Beato, além de Hsu Chien, Cleumo Segond, Roberto Faissal, Maria Muricy, Paulo Plim, Tainá Menezes, Danielle Reule, Paulo de Andrade e coordenação técnica de Cezar Moraes.

Realizado durante a pandemia de Covid-19, no decorrer do primeiro semestre de 2021 (entre março a junho), o filme teve sua equipe técnica formada por estudantes e profissionais que desenvolveram toda a produção através de cursos divididos em módulos teóricos e práticos realizados de forma online.

Assim, todos os participantes da equipe, oriundos de diferentes cidades do país (e até do exterior, como EUA e Portugal), tiveram a oportunidade de participar de todo o processo de produção, além das etapas da realização do filme em si, desde a concepção dos roteiros, passando pela pré-produção e discussões com a direção e edição, além da possibilidade de também assistir as filmagens em tempo real via plataforma virtual.

Evitando trânsito e respeitando o Protocolo de Filmagens do STIC/SICAV para o Covid-19, com cuidados de higienização e distanciamento social, as filmagens ocorreram durante um fim de semana dentro de ambientes das famosas Casas Casadas, no bairro de Laranjeiras, no Rio de Janeiro, onde é sediada a ABC Cursos de Cinema.

Kauã Rodriguez …. Severino
José Rodrigues …. Robeval
Vinicius Manne …. Clodorico
Fabricio Martins …. Tutor
Ricardo Oliveira

Por trás dos filmes, além dos atores, dos figurinos, das câmeras, da arte, do som e de outros elementos mais facilmente perceptíveis na construção qualquer longa metragem, há também um verdadeiro exército de profissionais dedicados a viabilizar cada detalhe do intrincado quebra-cabeça artístico, operacional, logístico e financeiro da produção audiovisual.

Veja logo abaixo a equipe técnica de Prego e Flores (2021) que o portal História do Cinema Brasileiro pesquisou e agora disponibiliza aqui para você:

Direção: Bernardo Sarmento e Raíssa Celina Monitor de Direção: Hsu Chien Roteiro: Luan São José Monitora de Roteiro: Danielle Reule Assistente de Direção: Beatriz Marie Continuísta: Beatriz Oliveira Produtor Executivo: Affonso Beato, asc, abc Diretor de Produção: Roberto Faissal, abc Coordenador Técnico: Cezar Moraes, abc Coordenadora de Ensino: Adriana Brockmann Plateau: João Costa Assistente de Produção: Pedro Velloso Diretora de Fotografia: Sofia Leão Monitor Direção de Fotografia: Affonso Beato, asc, abc Operador de Câmera: Gil Vicente Monitor de Câmera: Cleumo Segond, abc Assistente de Câmera: Daniel Lampert Monitor de Colorização: Paulo de Andrade, abc Monitor de Iluminação: Paulo Miranda Plim Gaffer: Paulo Miranda Plim Eletricista: Bruno Rangel Maquinista: Omar Ugelli Making Of: Léo Rissin Televisionamento: Philipe Mandrani Supervisora da Direção de Arte: Carla Lhamas Diretora de Arte: Elisa Lyra Assistente de Arte: Juliana Haua Editor de Imagem: Franco Groia Monitora de Edição de Imagem: Tainá Menezes Assistência de Edição: Laressa Guimarães e Gilmar Garbuggio Técnico de Som Direto: Renan Chaves Microfonistas: João Alves e Caio Climaco Som Logger: Fábio Baltar Edição de Som: Renan Chaves Monitora de Edição de Som: Maria Muricy, abc Mixagem: Nando Chagas Supervisor de Finalização: Pedro Velloso Trilha Musica: Nando Chagas Empresa Produtora: ABC Cursos de Cinema Brasil | Ficção | cor | 12 min. | 2021

Livros:

Internet:

ABC CURSOS DE CINEMA. Disponível no endereço: https://abcinecursos.org.br/
HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Prego e Flores. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/prego-e-flores/
IMDB. Prego e Flores. Disponível no endereço: https://www.imdb.com/title/tt14765412/

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.