fbpx

Primeiro Plano 2020 – Festival de Cinema de Juiz de Fora e Mercocidades

O Primeiro Plano – Festival de Cinema de Juiz de Fora e Mercocidades registrou número recorde de inscrições para a edição 2020. Ao todo, foram 354 produções apresentadas, sendo 323 para a categoria Mercocidades e outras 31 da Mostra Regional. A curadoria do festival ainda define os detalhes finais para a realização do Primeiro Plano em 2020. Entretanto, algumas questões já estão definidas. Uma delas é que o festival vai acontecer entre os dias 24 e 28 de novembro em formato on-line. A plataforma de exibição dos filmes e das oficinas ainda está em definição.

O resultado surpreendente, na avaliação dos organizadores, mostra a mais uma vez a força e a importância da cultura e da arte. Afinal, apesar do momento conturbado também para as produções cinematográficas, em razão da pandemia da Covid-19, o interesse e a vontade de fazer cinema se mantiveram inalterados.

De todos os trabalhos apresentados, 58% é formado por cineastas do Sudeste brasileiro. Em seguida, aparecem as regiões Sul (15%), Nordeste (13%), Centro-Oeste (7%) e Norte (25). As produções estrangeiras representam 5% das inscrições.

:: Mostra competitiva Mercocidades ::

:: A Barca, de Nilton Resende
:: A fome que devora o coração, de Raiane Ferreira
:: Altcell, de Matheus Galvão e Erik Fischer
:: El b(eso) – O beijo, de Alexa Centurión Chocobar
:: El dibujo de un pez, de Juana Castro
:: Endless love, de Duda Gambogi
:: Enraizadas, de Gabriele Roza e Juliana Nascimento
:: Gilson, de Vitória Di Bonesso
:: Inabitáveis, de Anderson Bardot
:: Janaína, de Letícia Silva
:: Letícia, Monte Bonito, 04, de Julia Regis
:: Mamapara, de Puno
:: Maratonada, de Gabriel Almeida e Letícia Catalá
:: Meninos rimam, de Lucas Nunes
:: Muñeca tota, de Gaspar Aguirre e Román Sovrano
:: Não me chame assim, de Diego Migliorini
:: Neguinho, de Marçal Vianna
:: O que pode um corpo?, de Victor Di Marco e Márcio Picoli
:: O silêncio lá de baixo, de Pamella Araújo
:: Perifericu, de Nay Mendl, Vita Pereira, Rosa Caldeira e Stheffany Fernanda
:: Rosário, de Igor Travassos e Juliana Soares
:: Vai melhorar, de Pedro Fiuza
:: Volta seca, de Roberto Veiga

:: Mostra Competitiva Regional ::

:: (In)existente – a vida pelo seu olhar, de Stéphanie Ferreira Nunes do Nascimento
:: 1996, de Rodrigo Brandão
:: A garça velha, de Marc NaNo
:: A garota com todos os dons, de João G. Cendretti, Nicolly Matos & Leonardo Heringer
:: A vida é coisa que segue, de Bruna Schelb Corrêa
:: Aparecida, devoção, milagres e bênçãos, de Inês Maria de Oliveira
:: Confecção do coração, de Natane Castro
:: Cronotopo, de Diogo D’Melo
:: Domingo no paint, de Gustavo Furtuoso Ribeiro
:: Epidemia nacional, de Bruno Ferreira
:: Espresso, de B.N.L.
:: Ir à praia, de Beatriz Dias
:: Janaína-sem-Cabeça, de Bruna Schelb Corrêa
:: MoverAção pela pátria, de Gutão
:: Na pele, de Luana Nogueira
:: Não subestime, de Lipe Veloso
:: Nó no couro, de Mariana Martins
:: Passeio de vento, de Bruna Schelb Corrêa e Luis Bocchino
:: Perseguição no meio, de Xzmcrz
:: Que horas vai passar, de Gutão
:: Reflexo reverso: o outro em branco, de Fernanda Thomaz
:: Retratos de uma jovem em quarentena, de Iago de Medeiros
:: Sagrado, de Mayara Moreira
:: Suellen e a diáspora periférica, de Renata Dorea
:: Tal pai, tal filho, de Lucas Andries
:: Travessia, de Matheus Assunção Braz Monteiro
:: Vale?, de Eric Moreira
:: Vida dentro de um melão, de Helena Frade

Internet:

PRIMEIRO PLANO. Disponível no endereço: http://primeiroplano.art.br/2020/
HISTÓRIA DO CINEMA BRASILEIRO. Primeiro Plano 2020 – Festival de Cinema de Juiz de Fora. Disponível no endereço: http://www.historiadocinemabrasileiro.com.br/primeiro-plano-2020

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.