fbpx

Reynaldo Paes de Barros

Biografia

Reynaldo Paes de Barros é um cineasta e diretor de fotografia nascido na fazenda Pindaiuval, município de Santo Antonio do Leveger (MT), em 1937. Cursou o primário em Campo Grande, ginásio em São Paulo e Científico no Rio de Janeiro. Formou-se pela University of California de Los Angeles (UCLA), EUA.

Mudou-se para o Rio de Janeiro em 1958, para trabalhar na embaixada norte-americana fazendo documentários para o corpo de paz.

Em 1965, estreia como fotógrafo no clássico Menino de Engenho, de Walter Lima Jr.; e, em 1967, dirigiu seu primeiro filme, Férias no Sul. Em 1969, Agnaldo, Perigo à Vista, veículo para o cantor Agnaldo Rayol, na época no auge do sucesso.

A partir de 1969, em São Paulo, passa a fotografar pornochanchadas para a Boca do Lixo e, num segundo momento, já com o pseudônimo de Renato Bastos, filmes da fase do erótico explícito. Dirige mais dois filmes, Pantanal de Sangue (1971) e A Noite dos Imorais (1979).

Afastado do cinema desde 1987, retorna 20 anos depois para dirigir o curta Ninah, em 2007.

Em 2008, foi homenageado no 15º Festival de Cinema e Vídeo de Cuiabá.

Filmografia

1987 :: Orgasmo Louco (dir.) (psd: Renato Bastos)
1987 :: Fêmeas Que Topam Tudo (fot.) (psd: Renato Bastos)
1987 :: Júlia e os Pôneis (fot.) (psd: Renato Bastos)
1987 :: Ninfetas Nota Dez (fot.) (psd: Renato Bastos)
1987 :: Revelações de Uma Ninfomaníaca (fot.) (psd: Renato Bastos)
1987 :: Viciadas em Cavalos (fot.) (psd: Renato Bastos).
1986 :: Duas Mulheres e Um Pônei! (fot.) (psd: Renato Bastos)
1986 :: Sexo Doido (fot.) (psd: Renato Bastos)
1986 :: Mulheres e Cavalos (fot.) (psd: Renato Bastos)
1983 :: Sacanagem (fot.) (episódio: Gatas no Cio)
1981 :: Delírios Eróticos (fot.)
1981 :: Eva, o Princípio do Sexo (cofot. José Concórdio)
1981 :: Ressureição (CM) (fot.); Sexo Profundo (fot.)
1979 :: A Noite dos Imorais (dir., fot.)
1979 :: Sexo Selvagem (fot.)
1978 :: Noite em Chamas (fot.)
1977 :: Chão Bruto (fot.)
1976 :: Amadas e Violentadas (fot.)
1976 :: O Quarto da Viúva (fot.)
1976 :: Possuídas pelo Pecado (fot.)
1975 :: O Supermanso (fot.)
1973 :: Anjo Loiro (fot.)
1973 :: No Pantanal do Piquiri (CM) (dir.)
1973 :: Trindade…É Meu Nome (fot.)
1973 :: Uma Nêga Chamada Tereza (fot.)
1971 :: Pantanal de Sangue (dir., fot.) (cofot. Antonio Meliande)
1969 :: Agnaldo, Perigo à Vista (dir., fot.) (cofot. Rudolph Icsey)
1967 :: Férias no Sul (dir.)
1965 :: Menino de Engenho (fot.)

Bibliografia

Livros:

SILVA NETO, Antônio Leão da. Dicionário de Fotógrafos do Cinema Brasileiro. São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 2011.

História do Cinema Brasileiro

História do Cinema Brasileiro

Qualquer interesse de envio de textos, dúvidas, opiniões, sugestões, acréscimos de conteúdo, relato de erros ou omissão de informações publicadas, entre em contato com a Coordenação Geral do História do Cinema Brasileiro pelo seguinte email: [email protected]

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.